Cassilândia, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

09/02/2012 07:01

São Paulo ganha na justiça; Oscar não quer voltar

Depois da decisão do Tribunal Regional do Trabalho de que o segundo contrato assinado por Oscar com o São Paulo é válido e deve ser cumprido fez o jogador buscar explicações com seus advogados. E os Drs. Ribeiro e Breno Tanuri tranquilizaram o colorado, esclarecendo que não se trata de uma decisão de última instância.

\"Sobre a decisão da justiça nesta quarta-feira, conversei com meus advogados e a sentença ainda não foi publicada. Assim que tomarmos conhecimento de todos os fatos iremos sentar e decidir que posição seguir. O que posso falar nesse momento é que esta não é uma decisão de última instância, e podemos recorrer\", enfatizou o jogador.

Oscar entrou na Justiça contra o time no final de 2009, alegando atraso de vencimentos e que também teria sido coagido a emancipar-se e assinar um contrato aos 16 anos, quando ainda era menor de idade. Assim, a renovação do vínculo foi desfeita por decisão da juíza Eumara Nogueira Borges Lyra Pimenta, da 40ª Vara do Trabalho de São Paulo, em 14 de junho de 2010, e Oscar pôde transferir-se ao Internacional em 2010.

A Justiça ainda negaria uma liminar do São Paulo no mês de setembro de 2010, mas o clube decidiu não entregar os pontos e apelou. Nesta quarta, os desembargadores da 16ª Turma do Tribunal Regional do Trabalho de São Paulo deram provimento ao recurso do clube por unanimidade.

Uma das maiores revelações das categorias de base do São Paulo nos últimos anos, Oscar não pensa em retornar ao clube do Morumbi. \"Quero permanecer no Internacional. Aqui, fui muito bem acolhido por todos da diretoria, pelos jogadores, técnicos, e torcida. No Inter, desde que cheguei, ajudei a conquistar um título gaúcho e agora vou para minha segunda Libertadores. Estou perfeitamente adaptado. O torcedor colorado pode ter certeza que vou dar a vida pelo clube e vou procurar meus direitos\", declarou o meia.

O São Paulo, por sua vez, explicou, por meio de seu advogado, Carlos Ambiel, em entrevista à GE.Net que ainda não definiu o destino de Oscar. A reintegração ao elenco profissional está praticamente descartada. A ideia do Tricolor é requerer uma multa a ser paga pelo Inter para que o jogador permeneça no Beira-Rio.

Por Gazeta Esportiva

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)