Cassilândia, Sábado, 25 de Maio de 2019

Últimas Notícias

04/02/2019 09:00

São João de Brito

Redação

São João de Brito nasceu em Lisboa, Portugal, em 1647. Muito cedo, aos nove anos de idade, foi para a Corte do rei de Portugal, como pajem do Infante D. Pedro. Apesar do ambiente, graças à educação recebida na família, permaneceu fiel aos ensinamentos cristãos. Em 1662, aos 15 anos, entrou na Companhia de Jesus e em 1673 foi ordenado sacerdote. Sua grande vontade era seguir os passos de São Francisco Xavier e ser missionário na Índia. Seu desejo foi atendido e logo depois de ordenado padre, ele partiu de Lisboa em companhia de mais 16 missionários. Durante os seis meses de uma difícil viagem, ele foi o apóstolo da tripulação, tanto do ponto de vista espiritual, como temporal, cuidando dos mais fracos e doentes. Na Índia procurou adaptar-se aos costumes e à cultura do país, adotando não apenas os trajes usados pelo povo, mas e sobretudo procurando entender e viver de acordo com seus costumes. Dedicou-se a pregar o Evangelho aos “párias” que pertenciam à classe social mais baixa do país, e como um pária era considerado. João de Brito foi muito perseguido pelos brâmanes que constituíam a elite das quatro classes sociais da Índia, que temiam que a pregação do Evangelho pudesse ameaçar o domínio que exerciam sobre o povo. Ele sofreu sede, fome, frio, nudez e perseguições, foi preso, açoitado e exposto aos maiores ultrajes em praça pública. Finalmente foi expulso e deportado para Portugal. Em Portugal foi convidado pelo rei Pedro II para ficar na Corte, como seu conselheiro, mas não aceitou e, indiferente às ameaças de prisão e morte, voltou para anunciar o Orientes ao povo indiano. Foi decapitado na cidade de Oriur Ter, na Índia, no dia quatro de fevereiro de 1693. A notícia de sua morte, em vez de desanimar, aumentou o zelo dos missionários, firmou a fé dos novos cristãos e converteu grande número de pessoas. São João de Brito foi canonizado em 1947.

Hoje São João de Brito que escolheu exercer sua atividade missionária, numa terra distante onde era grande o número de necessitados, reitera nossa certeza de que a opção preferencial da Igreja pelos marginalizados e deserdados, é uma opção verdadeiramente evangélica. Os párias de ontem são os excluídos de hoje. Os brâmanes de ontem são aqueles que hoje, com receio de perderem o domínio que exercem sobre os mais simples, tentam, a todo custo, impedir que o povo tome consciência de sua cidadania, de seus direitos, de sua dignidade de seres humanos criados à imagem e semelhança de Deus.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 25 de Maio de 2019
Sexta, 24 de Maio de 2019
10:00
Receita do Dia
07:20
Atenção motoristas e ciclistas
Quinta, 23 de Maio de 2019
22:00
Loterias
21:45
Loterias
21:42
Loterias
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)