Cassilândia, Terça-feira, 21 de Novembro de 2017

Últimas Notícias

15/02/2012 21:02

Santos estreia com derrota para o The Strongest (BOL)

FPF

O Santos estreou com derrota na Taça Libertadores da América 2012. Na noite desta quarta-feira (15), no Estádio Hernando Siles, em La Paz, na Bolívia, o time da Vila Belmiro perdeu de virada para o The Strongest (BOL) por 2 a 1.

Com a vitória, o time boliviano assumiu a vice-liderança do Grupo 01, com três pontos, enquanto o Santos segue sem pontuar.

Atual campeão, o Santos começou a partida sofrendo com a pressão do time boliviano. Aos cinco minutos, Nelvin Soliz partiu com a bola dominada e bateu cruzado, assustando o goleiro Rafael.

Pouco depois, o Santos abriu o placar. Aos nove minutos, após cobrança de falta na área, Neymar cabeceou para grande defesa de Vaca. No rebote, Henrique soltou uma bomba para fazer o primeiro do Peixe na Libertadores 2012.

Aos 16, Luís Melgar invadiu a área e bateu com perigo, mas a bola passou por cima do travessão de Rafael. Pablo Escobar voltou a levar perigo ao gol santista aos 20, no arremate de fora da área que passou tirando tinta da trave direita de Rafael. No contra-ataque, Borges recebeu em profundidade e bateu firme para grande defesa de Vaca.

Perigoso nos contragolpes, o time alvinegro quase ampliou. Borges recebeu na direita e serviu Neymar dentro da área, mas o atacante santista finalizou na rede pelo lado de fora. Aos 27, Pablo Escobar voltou a acertar bonito chute de longa distância e quase empatou o duelo para o Tigre, porém a bola passou à esquerda de Rafael.

Com mais volume de jogo, o time da casa chegou ao empate. Aos 33, depois de boa jogada pela direita, Cristaldo aproveitou cruzamento de Parada e pegou de primeira para deixar tudo igual no placar. No final do primeiro tempo, aos 45, Neymar recebeu na direita, driblou o marcador e bateu para boa defesa do arqueiro Vaca.

O início do segundo tempo teve as duas equipes num ritmo mais lento, valorizando a posse de bola e procurando espaços no campo de ataque. Aos 10, o meia Pablo Escobar arriscou da entrada da área e a bola passou com muito perigo, à esquerda de Rafael. Em seguida, Muricy trocou Ibson por Elano tentando dar mais mobilidade ao meio campo santista.

Aos 15, Pablo Escobar bateu falta no cantinho e mais uma vez o goleiro Rafael teve que se esticar todo para evitar o segundo gol do time boliviano. A resposta do Santos veio com Neymar, que recebeu na frente, passou pelo goleiro e bateu, mas o zagueiro Luis Méndez salvou o The Strongest.

Dois minutos depois, Ganso deu um passe açúcarado para Neymar dentro da área e a finalização passou raspando a trave esquerda. Aos 26, Neymar deu ótimo passe para Elano, na cara do gol, mas o meia caprichou demais e a conclusão acertou o travessão. Depois, Luis Melgar se antecipou a zaga do peixe e cabeceou muito perto do gol de Rafael.

Chumacero, aos 35, desceu pela direita em velocidade e bateu cruzado, exigindo grande defesa de Rafael. Três minutos depois, Ganso tocou com categoria dentro da área para Neymar, que fez o giro e chutou por cima do gol. No contra-ataque, Ganso lançou Neymar na esquerda, que cruzou para Alan Kardec, mas o atacante chegou atrasado no lance.

Aos 42, Pablo Escobar voltou a dar trabalho ao goleiro Rafael em cobrança de falta, mas o goleiro do Santos voou para espalmar. Na cobrança de escanteio, a bola passou por toda a defesa e Ramallo cabeceou para dar a vitória ao time boliviano.

Agora, o Santos só volta a campo no dia 08 de março, na Vila Belmiro, contra o Internacional (RS), já o The Strongest (BOL) recebe o Juan Aurich.

Ficha técnica

The Strongest 2 x 1 Santos

Árbitro: Carlos Vera (EQU);
Assistentes: Christian Lescano (EQU) e Luis Alvarado (QUE);
Quarto árbitro: Johnny Cuellar (BOL);
Data: 15 de fevereiro às 19h45;
Local: Estádio Hernando Siles, em La Paz, Bolívia.

The Strongest: Daniel Vaca; Enrique Parada, Delio Ojeda, Luis Méndez e Jair Torrico; Nelvin Soliz, Alejandro Chumacero, Sacha Lima e Ernesto Cristaldo (Ramallo); Pablo Escobar e Luis Melgar (González).
Técnico: Mauricio Soria.

Santos: Rafael; Fucile, Edu Dracena, Durval e Juan; Arouca, Henrique, Ibson (Elano) e PH Ganso; Neymar e Borges (Alan Kardec).
Técnico: Muricy Ramalho.

Gols: Henrique, Rafael (SAN), aos 10’, Cristaldo (STR), aos 31’ do primeiro tempo, Ramallo (STR), aos 45’ do segundo tempo.

CA: Parada, Sacha Lima (STR), Arouca, , Rafael, Neymar, Fucile (SAN).

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 21 de Novembro de 2017
Segunda, 20 de Novembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)