Cassilândia, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

15/02/2012 21:02

Santos estreia com derrota para o The Strongest (BOL)

FPF

O Santos estreou com derrota na Taça Libertadores da América 2012. Na noite desta quarta-feira (15), no Estádio Hernando Siles, em La Paz, na Bolívia, o time da Vila Belmiro perdeu de virada para o The Strongest (BOL) por 2 a 1.

Com a vitória, o time boliviano assumiu a vice-liderança do Grupo 01, com três pontos, enquanto o Santos segue sem pontuar.

Atual campeão, o Santos começou a partida sofrendo com a pressão do time boliviano. Aos cinco minutos, Nelvin Soliz partiu com a bola dominada e bateu cruzado, assustando o goleiro Rafael.

Pouco depois, o Santos abriu o placar. Aos nove minutos, após cobrança de falta na área, Neymar cabeceou para grande defesa de Vaca. No rebote, Henrique soltou uma bomba para fazer o primeiro do Peixe na Libertadores 2012.

Aos 16, Luís Melgar invadiu a área e bateu com perigo, mas a bola passou por cima do travessão de Rafael. Pablo Escobar voltou a levar perigo ao gol santista aos 20, no arremate de fora da área que passou tirando tinta da trave direita de Rafael. No contra-ataque, Borges recebeu em profundidade e bateu firme para grande defesa de Vaca.

Perigoso nos contragolpes, o time alvinegro quase ampliou. Borges recebeu na direita e serviu Neymar dentro da área, mas o atacante santista finalizou na rede pelo lado de fora. Aos 27, Pablo Escobar voltou a acertar bonito chute de longa distância e quase empatou o duelo para o Tigre, porém a bola passou à esquerda de Rafael.

Com mais volume de jogo, o time da casa chegou ao empate. Aos 33, depois de boa jogada pela direita, Cristaldo aproveitou cruzamento de Parada e pegou de primeira para deixar tudo igual no placar. No final do primeiro tempo, aos 45, Neymar recebeu na direita, driblou o marcador e bateu para boa defesa do arqueiro Vaca.

O início do segundo tempo teve as duas equipes num ritmo mais lento, valorizando a posse de bola e procurando espaços no campo de ataque. Aos 10, o meia Pablo Escobar arriscou da entrada da área e a bola passou com muito perigo, à esquerda de Rafael. Em seguida, Muricy trocou Ibson por Elano tentando dar mais mobilidade ao meio campo santista.

Aos 15, Pablo Escobar bateu falta no cantinho e mais uma vez o goleiro Rafael teve que se esticar todo para evitar o segundo gol do time boliviano. A resposta do Santos veio com Neymar, que recebeu na frente, passou pelo goleiro e bateu, mas o zagueiro Luis Méndez salvou o The Strongest.

Dois minutos depois, Ganso deu um passe açúcarado para Neymar dentro da área e a finalização passou raspando a trave esquerda. Aos 26, Neymar deu ótimo passe para Elano, na cara do gol, mas o meia caprichou demais e a conclusão acertou o travessão. Depois, Luis Melgar se antecipou a zaga do peixe e cabeceou muito perto do gol de Rafael.

Chumacero, aos 35, desceu pela direita em velocidade e bateu cruzado, exigindo grande defesa de Rafael. Três minutos depois, Ganso tocou com categoria dentro da área para Neymar, que fez o giro e chutou por cima do gol. No contra-ataque, Ganso lançou Neymar na esquerda, que cruzou para Alan Kardec, mas o atacante chegou atrasado no lance.

Aos 42, Pablo Escobar voltou a dar trabalho ao goleiro Rafael em cobrança de falta, mas o goleiro do Santos voou para espalmar. Na cobrança de escanteio, a bola passou por toda a defesa e Ramallo cabeceou para dar a vitória ao time boliviano.

Agora, o Santos só volta a campo no dia 08 de março, na Vila Belmiro, contra o Internacional (RS), já o The Strongest (BOL) recebe o Juan Aurich.

Ficha técnica

The Strongest 2 x 1 Santos

Árbitro: Carlos Vera (EQU);
Assistentes: Christian Lescano (EQU) e Luis Alvarado (QUE);
Quarto árbitro: Johnny Cuellar (BOL);
Data: 15 de fevereiro às 19h45;
Local: Estádio Hernando Siles, em La Paz, Bolívia.

The Strongest: Daniel Vaca; Enrique Parada, Delio Ojeda, Luis Méndez e Jair Torrico; Nelvin Soliz, Alejandro Chumacero, Sacha Lima e Ernesto Cristaldo (Ramallo); Pablo Escobar e Luis Melgar (González).
Técnico: Mauricio Soria.

Santos: Rafael; Fucile, Edu Dracena, Durval e Juan; Arouca, Henrique, Ibson (Elano) e PH Ganso; Neymar e Borges (Alan Kardec).
Técnico: Muricy Ramalho.

Gols: Henrique, Rafael (SAN), aos 10’, Cristaldo (STR), aos 31’ do primeiro tempo, Ramallo (STR), aos 45’ do segundo tempo.

CA: Parada, Sacha Lima (STR), Arouca, , Rafael, Neymar, Fucile (SAN).

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)