Cassilândia, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

13/09/2005 15:36

Sanidade:Mato Grosso do Sul ainda não recebeu recursos

Famasul Notícias

O recurso recorde de R$ 4 milhões, destinado à defesa sanitária animal e vegetal de Mato Grosso do Sul, sequer conheceu os trâmites burocráticos para sua liberação. Conforme o superintendente Federal de Agricultura, José Antônio Felício, não há previsão para o Estado ter em mãos o montante, cuja maior parte (R$ 3,5 milhões) destina-se ao combate à febre aftosa. “Ele ainda não fez comunicação oficial (do repasse)”, contou Felício, referindo-se ao secretário de Defesa Sanitária do Ministério da Agricultura, Gabriel Maciel, que anunciou, no dia 25 de agosto, o valor a ser liberado ao Estado. “Mas acredito que o dinheiro deva chegar a alguns dias”, amenizou o superintendente.

A morosidade na liberação do recurso decorre, conforme acredita Felício, da situação sanitária de Mato Grosso do Sul. De acordo com ele, o Ministério da Agricultura prioriza atender Estados com graves problemas sanitários, o que não seria o caso de Mato Grosso do Sul, “deixado em segundo plano”. Apesar de ser preterido nos repasses oficiais, o Estado estaria se destacando no cenário nacional em ações de sanidade, segundo o superintendente.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)