Cassilândia, Sábado, 30 de Maio de 2020

Últimas Notícias

30/01/2019 08:20

SAD prevê nova fase do concurso da PM e Bombeiros em 40 dias

Campo Grande News

O TAF (Teste de Aptidão Física), que é a quarta fase dos concursos da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros, deverá ser realizado em um período de até 40 dias, conforme informado ao Campo Grande News pelo secretário da SAD (Secretaria de Estado de Administração e Desburocratização), Roberto Hashioka. O exame, previsto para ocorrer entre os dias 8 e 12 de dezembro do ano passado, foi suspenso por falta de pagamento.

Segundo o secretário, o contrato com a Fapems (Fundação de Apoio à Pesquisa, ao Ensino e a Cultura de Mato Grosso do Sul), responsável pela organização do concurso, é de R$ 6,1 milhões e já foram pagos R$ 5,2 milhões. O restante, previsto no contrato para dar continuidade no processo seletivo, será pago em duas parcelas, conforme acordado entre o governo e a Fapems em reunião nesta terça-feira (29). Os pagamentos poderão ser feitos no decorrer da organização do TAF.

Apesar de não ter uma data definida, Hashioka acredita que a nova fase do concurso seja realizada em até 40 dias. ''O governo está cumprindo com as partes e já pagou 85% do valor do contrato.Pedi a eles que agilizassem a questão da data do TAF. Acredito que eles serão mais rápidos possíveis. Os candidatos podem se programar para fazer o teste em até 40 dias. Pagamento não é empecilho", disse.

Decisão judicial – O concurso sofreu alterações ao longo do processo. Decisão da 1ª Vara de Direitos Difusos, Coletivos e Individuais Homogêneos de Campo Grande, determinou que os editais fossem republicados sem a discriminação de vagas por gênero.

A decisão acatou pedido do MPMS (Ministério Público Estadual) que questionou o número que limitava as vagas de mulheres. O entendimento do MPMS é de que a limitação representa discriminação de gênero.

A primeira fase do concurso registrou abstenção geral de 14%. Ao todo, 5.020 candidatos dos 36.346 inscritos não compareceram na aplicação da prova em Campo Grande e Dourados. O número de mulheres inscritas Mato Grosso do Sul não chegou a 30% do total.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 30 de Maio de 2020
Sexta, 29 de Maio de 2020
18:05
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)