Cassilândia, Sábado, 24 de Junho de 2017

Últimas Notícias

22/08/2007 15:52

Sábado 2ª etapa da vacina contra a Pólio

A segunda etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite acontece no próximo sábado (25) em todo o país. A abertura oficial na Capital de Mato Grosso do Sul será na praça Ari Coelho, às 8 horas, com a presença dos secretários de Saúde do Estado, Beatriz Dobashi e do Município, Luiz Henrique Mandetta; do prefeito de Campo Grande, Nelson Trad Filho; do superintendente de Vigilância em Saúde, Eugênio de Barros; de profissionais da saúde e outras autoridades.

Para a segunda etapa da campanha, o Ministério da Saúde disponibilizou ao Estado 345 mil doses da vacina, que estará disponível em aproximadamente 1,5 mil postos de vacinação – entre fixos e volantes – nos 78 municípios.

A ação deverá contar com o envolvimento de cerca de 5 mil pessoas entre profissionais de saúde e voluntários, além de 900 veículos terrestres e um transporte fluvial. Em locais de difícil acesso como zonas rurais, regiões ribeirinhas, assentamentos, acampamentos, aldeias indígenas, entre outros locais, a estratégia para o alcance da meta vai respeitar as realidades locais.

A meta é alcançar, no mínimo, 212.312 crianças de 0 a 5 anos de idade – o que corresponde a 95% da população nesta faixa etária que vive em Mato Grosso do Sul.

Durante a campanha da Poliomielite, as demais vacinas – BCG-ID, hepatite B, tetravalente, DPT, febre amarela e tríplice viral – poderão ser aplicadas simultaneamente nas crianças com atraso na carteira de vacinação que deve ser levada pelos pais ou responsáveis.

Imunização

A primeira etapa de imunização contra a Poliomielite, no Estado, alcançou 94,82% das crianças de 0 a 5 anos de idade. No entanto, para atingir este percentual foi necessário prorrogar a campanha três vezes.

Os últimos registros de casos confirmados da doença, no Brasil, foram em 1989 nos estados do Rio Grande do Norte e da Paraíba.

Há 27 anos o Brasil realiza a campanha nacional da Poliomielite – infecção viral aguda causada por um dos três poliovírus existentes. A infecção é transmitida por meio do contato com um portador da pólio ou então com fezes humanas. Os principais sintomas são febre, mal-estar, dor-de-cabeça e em alguns casos paralisia flácida (incapacidade de mexer os membros). Para esta doença não existe tratamento, apenas a vacina garante a imunização.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 24 de Junho de 2017
Sexta, 23 de Junho de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)