Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

07/04/2006 13:48

Rússia comunica fim de veto às aves de MS

Fernanda Mathias / Campo Grande News

O vice-diretor do Serviço Federal de Supervisão Veterinária e Fitossanitária da Rússia, Evgueni Nepoklonov comunicou ao secretário de Defesa Agropecuária do Mapa, Gabriel Alves Maciel que em breve o Mato Grosso do Sul e o Paraná poderão retomar em breve as exportações de carne de aves para aquele País. As compras foram suspensas em outubro por conta dos focos de febre aftosa.

Conforme informações do Mapa (Ministério da Agricultura,Abastecimento e Pecuária), na correspondência, a Rússia informa que concorda em excluir do certificado veterinário para carne de aves as garantias relativas a enfermidades que afetam outras espécies animais como a peste suína africana e a febre aftosa.

Também está a aberta a possibilidade para outras adequações no certificado. Ontem técnicos do Departamento de Saúde Animal do Mapa se reuniram para definir a proposta de certificação brasileira. Segundo o diretor do DSA, Jorge Caetano Júnior, o documento deve ficar pronto hoje e será encaminhado para análise das autoridades russas.

Com a aprovação do novo certificado, Paraná e Mato Grosso do Sul estarão aptos a retomar o comércio de carne de frango com os russos. No ano passado o Mato Grosso do Sul exportou mais de 4,8 milhões de quilos de carne de frango in natura para a federação russa, faturando mais de US$ 6,3 milhões e o Paraná 102,2 milhões de quilos, correspondente a uma receita de US$ 184,8 milhões.

A crise no setor aviário, que foi intensificada com a redução das compras internacionais por conta da gripe aviária, traz grandes prejuízos à economia do Estado. A Avipal por exemplo foi obrigada a dar férias coletivas aos funcionários. A oferta no mercado interno teve um boom e os preços do frango caíram de 60% a 70% acirrando a concorrência com a carne bovina e agravando a crise da pecuária. O mesmo ocorre com a suinocultura.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)