Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

20/01/2004 07:38

Rodovia Selvíria-Cassilândia será recuperada

Anderson Viegas - APn

O governo do Estado e o governo federal vão fazer o lançamento oficial no dia no dia 4 de fevereiro, em Coxim, durante a visita do ministro dos Transportes, Anderson Adauto – para autorizar o início das obras de recuperação da BR-163 no trecho entre Campo Grande e Sonora – as operações safra estadual e federal, em que serão recuperados 3.747 quilômetros de rodovias com investimento de R$ 23,9 milhões.

A definição do lançamento em conjunto das operações safra ocorreu na tarde desta segunda-feira, durante a reunião do governador Zeca do PT com diretor do Departamento Nacional de Infra-Estrutura dos Transportes (DNIT), Marcelo Miranda, e com os secretários de Coordenação Geral de Governo, Paulo Duarte, de Infra-Estrutura e Habitação, Carlos Longo, com o subsecretário de Desenvolvimento Regional, Marcos Roberto Carvalho de Melo (Beto) e com o ex-superintendente de Administração Tributária, Ruiter Cunha de Oliveira.

Segundo o secretário de Infra-Estrutura, da malha de rodovias estaduais serão recuperadas este ano na Operação Safra que vai de fevereiro a abril 2.047 quilômetros (entre cascalhamentos e raspagens) de estradas e 450 metros de pontes, com um investimento de R$ 3,9 milhões. O que representa uma diminuição de 71% do número de quilômetros recuperados em relação a mesma operação no ano passado, que foi de 7.060, de 62% do número de metros de ponte revitalizados, que foi de 1.189, e uma economia de 41%, já que em 2003 foi investido pelo Executivo Estadual nessa iniciativa R$ 6,6 milhões.

“A redução do número de rodovias recuperadas na Operação Safra deste ano representa que ao longo do ano através da nossas patrulhas da Agesul [Agencia Estadual de Gestão de Empreendimentos] já estamos atendendo a demanda reprimida e mostra o quanto está melhorando a qualidade das nossas rodovias, porque temos menos trabalho a executar durante esse período”, constatou o governador.

Longo explicou ainda, que além da demanda ter diminuído a Secretaria de Infra-Estrutura através da Agesul está direcionado o seu foco de atuação durante a Operação Safra para os municípios que concentram a maior parte da produção agrícola do Estado. “Na nossa Operação Safra atenderemos 26 municípios, dos quais 17 concentram 80% da nossa produção agrícola e merecerão atenção redobrada”, disse o secretário, lembrando que esse trabalho está sendo feito em parceria com a Secretaria de Produção e Turismo que aponta esses municípios.

Operação Safra Nacional – Em relação a Operação Safra que já está sendo executada desde o início do ano pelo DNIT nas rodovias federais do Estado (apenas o lançamento oficial acontecerá no dia 4), o diretor do órgão em Mato Grosso do Sul adiantou que serão recuperadas a BR-163 em toda a sua extensão, a BR-267 entre Nova Alvorada e Bataguassu, a BR-262 entre Campo Grande e Três Lagoas e a BR-158 entre Selvíria e Cassilândia, totalizando aproximadamente 1.700 quilômetros e com um investimento de R$ 20 milhões.


O governo do Estado e o governo federal vão fazer o lançamento oficial no dia no dia 4 de fevereiro, em Coxim, durante a visita do ministro dos Transportes, Anderson Adauto – para autorizar o início das obras de recuperação da BR-163 no trecho entre Campo Grande e Sonora – as operações safra estadual e federal, em que serão recuperados 3.747 quilômetros de rodovias com investimento de R$ 23,9 milhões.

A definição do lançamento em conjunto das operações safra ocorreu na tarde desta segunda-feira, durante a reunião do governador Zeca do PT com diretor do Departamento Nacional de Infra-Estrutura dos Transportes (DNIT), Marcelo Miranda, e com os secretários de Coordenação Geral de Governo, Paulo Duarte, de Infra-Estrutura e Habitação, Carlos Longo, com o subsecretário de Desenvolvimento Regional, Marcos Roberto Carvalho de Melo (Beto) e com o ex-superintendente de Administração Tributária, Ruiter Cunha de Oliveira.

Segundo o secretário de Infra-Estrutura, da malha de rodovias estaduais serão recuperadas este ano na Operação Safra que vai de fevereiro a abril 2.047 quilômetros (entre cascalhamentos e raspagens) de estradas e 450 metros de pontes, com um investimento de R$ 3,9 milhões. O que representa uma diminuição de 71% do número de quilômetros recuperados em relação a mesma operação no ano passado, que foi de 7.060, de 62% do número de metros de ponte revitalizados, que foi de 1.189, e uma economia de 41%, já que em 2003 foi investido pelo Executivo Estadual nessa iniciativa R$ 6,6 milhões.

“A redução do número de rodovias recuperadas na Operação Safra deste ano representa que ao longo do ano através da nossas patrulhas da Agesul [Agencia Estadual de Gestão de Empreendimentos] já estamos atendendo a demanda reprimida e mostra o quanto está melhorando a qualidade das nossas rodovias, porque temos menos trabalho a executar durante esse período”, constatou o governador.

Longo explicou ainda, que além da demanda ter diminuído a Secretaria de Infra-Estrutura através da Agesul está direcionado o seu foco de atuação durante a Operação Safra para os municípios que concentram a maior parte da produção agrícola do Estado. “Na nossa Operação Safra atenderemos 26 municípios, dos quais 17 concentram 80% da nossa produção agrícola e merecerão atenção redobrada”, disse o secretário, lembrando que esse trabalho está sendo feito em parceria com a Secretaria de Produção e Turismo que aponta esses municípios.

Operação Safra Nacional – Em relação a Operação Safra que já está sendo executada desde o início do ano pelo DNIT nas rodovias federais do Estado (apenas o lançamento oficial acontecerá no dia 4), o diretor do órgão em Mato Grosso do Sul adiantou que serão recuperadas a BR-163 em toda a sua extensão, a BR-267 entre Nova Alvorada e Bataguassu, a BR-262 entre Campo Grande e Três Lagoas e a BR-158 entre Selvíria e Cassilândia, totalizando aproximadamente 1.700 quilômetros e com um investimento de R$ 20 milhões.






Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)