Cassilândia, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

01/05/2010 07:42

Robinho rebate críticas e destaca nova função tática

GE.net

Bicampeão brasileiro pelo Santos em 2002 e 2004, o atacante Robinho está próximo de conquistar o seu primeiro título do Campeonato Paulista. Repatriado pelo Peixe no início da temporada, o 'Rei das Pedaladas' ganhou status de grande contratação do clube para 2010. Porém, dentro de campo, o rendimento não tem sido tão marcante quanto em outros tempos, já que a grande estrela santista no ano tem sido Neymar.

Além disso, ao invés das célebres pedaladas, que ficaram imortalizadas na final do Brasileirão de 2002, contra o ex-lateral corintiano Rogério, o camisa 7 passou a adotar uma postura menos agressiva, no setor ofensivo, privilegiando um pouco mais a parte tática. Apesar disso, os números são bons: foram nove gols marcados em 15 confrontos disputados (média de 0,6 gols por jogo).

"Quando eu sai do Santos em 20005, era só pedalada e caneta. A imprensa estava mais acostumada com isso. Então, quando eu voltei, todo mundo queria me ver dando caneta, chapéu, fazendo gols. E o que acontece é que nem sempre dá para fazer isso. Às vezes, mais importante do que dar um drible é ajudar na marcação, dar um toque de lado ou até mesmo um carrinho", destacou.

Segundo Robinho, essa foi uma mudança de postura sua, após atuar no futebol europeu, que foi trabalhada também pelo técnico Dorival Júnior. Por isso, o 'Rei das Pedaladas' evita ligar para as críticas que dizem que ele deveria estar apresentando um futebol melhor do que o tem conseguido mostrar até agora.

"Além de ser uma postura minha, o Dorival tem conversado bastante comigo. Tenho que ajudar os meus companheiros, pois se todo mundo aparecer dando drible e tal, fica difícil para o pessoal segurar lá atrás. Cada jogada individual que é feita precisa ter suporte da marcação, no toque de bola. Mas é claro que se eu tiver a oportunidade de dar chapéu, eu vou fazer como foi no último jogo", comentou.

Mesmo aprovando a sua mudança tática, o atacante acredita que tem potencial para crescer mais e ajudar o time, futuramente. "Me cobro muito porque eu quero jogar bem todas as partidas. Sei que posso e quero melhorar, muito, até o final da temporada", finalizou.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)