Cassilândia, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

02/05/2009 19:07

Rio de Janeiro tem quatro casos suspeitos de gripe suína

Midiamax

Em apenas 24 horas subiu de um para quatro o número de pessoas no Rio de Janeiro com suspeita de ter contraído a gripe suína. Todas estão internadas no Hospital Evandro Chagas, da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), em Manguinhos, na zona norte da cidade. Segundo a assessoria de imprensa da Fiocruz, nenhuma está em estado grave.

A unidade disponibilizou dez leitos para o atendimento a pessoas que tenham vindo de países afetados pelo vírus H1N1 e que apresentem os sintomas da doença, como febre repentina, tosse e dores no corpo, informou a assessoria.

Os passageiros que desembarcaram hoje (2) de vôos internacionais no Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim (Galeão), no Rio de Janeiro, receberam orientações de funcionários da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e de funcionários da secretarias de Saúde do estado e do município do Rio sobre o que fazer caso percebam os sintomas da gripe suína.

No aeroporto, duas salas da Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária (Infraero) estão reservadas para atendimento médico a passageiros que tenham desembarcado com suspeita da doença.

Em nota divulgada no início da tarde, o Ministério da Saúde explica que o número de casos suspeitos da doença aumentou no Brasil devido às novas regras adotadas para a definição de caso suspeito e em monitoramento.

"De acordo com as novas regras, passam a ser consideradas suspeitas de ter a doença pessoas provenientes de qualquer área dos países com confirmação de casos e que apresentem os sintomas da influenza A [H1N1] ou que tenham tido contato próximo com pessoas infectadas. Até ontem [1], eram enquadradas nessa categoria pessoas que vinham apenas de áreas afetadas dentro desses países”, diz o comunicado.

Segundo a pasta, há 14 casos suspeitos da doença e 37 estão em monitoramento. Até ontem, eram sete casos suspeitos.

O ministério informou que agora todos os vôos internacionais que chegarem ao país serão monitorados.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)