Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

12/12/2005 08:16

Revogada a prisão preventiva de José Carlos Gratz

STF

O ministro Gilmar Mendes concedeu liminar em Habeas Corpus (HC) 87353 ao ex-presidente da Assembléia Legislativa do Espírito Santo, José Carlos Gratz. A decisão suspende a prisão preventiva decretada pelo Tribunal Regional Federal da 2ª Região e determina a imediata soltura de Gratz, se por outro motivo ele não estiver preso.

Em seu despacho, o ministro Gilmar Mendes citou a súmula 691 do STF segundo a qual é inadmissível a impetração de habeas corpus contra decisão denegatória de liminar em tribunal, antes do julgamento definitivo.

No entanto, o ministro esclarece que o rigor da súmula ¿tem sido abrandado pela jurisprudência desta Corte nas hipóteses em que seja premente a necessidade de concessão do provimento cautelar (para evitar flagrante constrangimento ilegal), bem como naquelas em que a decisão liminar no STJ seja manifestamente contrária à jurisprudência reiterada do STF¿.

A defesa de Gratz alegou que não há fundamentação legal para a ação, uma vez que não teriam sido esgotados todos os trâmites do caso na esfera administrativa. Na avaliação do ministro o caso não se esgotou ainda na esfera administrativa, de forma a justificar a prisão preventiva por crime contra a ordem tributária.

¿São plausíveis as alegações dos impetrantes quanto ao constrangimento ilegal decorrente de prisão preventiva decretada após denúncia, oferecida pelo Ministério Público contra o paciente, pela prática de crimes contra a ordem tributária, mesmo antes do término do processo administrativo de apuração do débito tributário¿, afirmou Gilmar Mendes.

Diante disso, o ministro determinou a expedição do alvará de soltura para o ex-presidente da Assembléia capixaba, e a imediata comunicação ao Superior Tribunal de Justiça, ao Tribunal Regional Federal da 2ª Região e à Justiça Federal, Seção Judiciária de Vitória/ES.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)