Cassilândia, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

02/01/2004 13:56

Reunião para decidir recursos para o programa espacial

Agência Brasil

Os recursos necessários para financiar alguns projetos espaciaI considerados pela Agência Espacial Brasileira (AEB) como estratégicos serão debatidos na 2ª feira (5), em Brasília, entre seus diretores e técnicos da Casa Civil. Entre os projetos que devem contar da pauta está o quarto lançamento (de qualificação) do Veículo Lançador de Satélite (VLS-1), desenvolvido pelo Centro de Tecnologia da Aeronáutica (CTA) em São José dos Campos (SP). Quando do acidente ocorrido em agosto último durante a preparação para o terceiro lançamento o presidente Lula prometeu outro lançamento ainda dentro de seu mandato, que termina em 2006. Neste caso, será necessário construir outro protótipo e outra plataforma de lançamento, totalmente destruídos no acidente.

Deve entrar ainda no debate o prosseguimento do acordo de cooperação espacial com a China, com a construção de mais dois satélites de observação dos recursos terrestres (sensoriamento remoto) - Cbers-3 e 4. O Cbers-1 foi lançado em 14 de outubro de 1999 e o Cbers-2, em 21 de outubro último. O Cbers-3 deve ser colocado em órbita em 2006. Na construção do Cbers-3 e 4, o Brasil entra com 50% das despesas e não mais 30% como nos dois primeiros.

A implementação imediata do acordo com a Ucrânia, firmado em outubro passado, criando a empresa binacional Alcântara Cyclone Space, de que participam a Infraero e duas empresas e uma agência governamental, pelo lado ucraniano, para a exploração comercial do Centro de Lançamento de Alcântara (Cla), no Maranhão, com o uso dos foguetes ucranianos Cyclone-4 também devem entrar em discussão.

O empreendimento implica o compromisso de ambos os países de realizar investimentos, em torno de US$ 120 milhões em três anos. Em Alcântara, há a necessidade da implantação de infra-estrutura incluindo a construção de um porto flutuante, estradas e um outro sítio de lançamento especial para o Cyclone-4. (JCE-mail)

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
13:15
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)