Cassilândia, Quarta-feira, 23 de Maio de 2018

Últimas Notícias

10/04/2006 14:49

Réu que foge após condenação não tem direito a apelar

STJ

O réu que foge após ter sido condenado em ação penal não tem direito ao recurso de apelação ao tribunal, por incorrer em deserção. A decisão é da Quinta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ), que negou pedido da Defensoria Pública mineira em favor de M. L. S., condenado a sete anos e 11 meses de reclusão por roubo. A defesa sustentou que a apelação deveria ser admitida, pois, do contrário, impediria ao réu o uso de recurso garantido pela Constituição.

O ministro Arnaldo Esteves Lima esclareceu que o entendimento pela deserção da apelação decorrente da fuga do réu, conforme estabelece o Código de Processo Penal [CPP - artigo 595: "Se o réu condenado fugir depois de haver apelado, será declarada deserta a apelação."], é reiteradamente reconhecida pela Quinta Turma e também pela jurisprudência do Supremo Tribunal Federal (STF).

O relator ainda afirmou que, embora a questão esteja novamente em análise no Supremo, tendo sido afetado pela Primeira Turma ao Plenário daquela corte o julgamento do HC 85.961/SP (rel. min. Marco Aurélio), em que se questiona a constitucionalidade do artigo do CPP, não há razão para desconsiderar a jurisprudência do STJ antes de eventual mudança de entendimento do STF.

Autoria da matéria: Murilo Pinto

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 23 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Terça, 22 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Segunda, 21 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)