Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

20/05/2008 12:47

Retenção de fêmeas faz abate de bovinos cair 11%

Fernanda Mathias/Campo Grande News

Com oferta comedida de bovinos, os frigoríficos de Mato Grosso do Sul tiveram redução de 11% nos abates neste ano, conforme dados da SFA (Superintendência Federal de Agricultura). Para a Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul), essa redução reflete a retenção das matrizes para produção de mais bezerros, a vedete da pecuária. O resultado para a população é o aumento no preço da carne.

No mês passado, por exemplo, alguns cortes encareceram 11%, segundo o IPC (Índice de Preços ao Consumidor).

Hoje o bezerro comercial atinge patamar de R$ 628,00, segundo o Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada) da USP chegando a R$ 800,00 em leilões, ao passo em que há um ano a cotação era de R$ 420,00.

Os dados da SFA apontam que de janeiro a abril deste ano foram abatidos 1.158.109
bovinos nos frigoríficos com SIF (Serviço de Inspeção Federal) contra 1.300.947 no período de janeiro a abril de 2007. Isso significa menos carne produzida e explica o aumento de preços ao consumidor. Como as exportações decolaram a oferta interna ficou ainda menor.

Estabilidade – Laucídio Coelho acredita que o preço do bezerro já tenha se estabilizado. Ele alerta que se os pecuaristas continuarem segurando a oferta de fêmeas a produção de bezerros pode aumentar muito e o processo se reverter. O processo que ocorre hoje é justamente o inverso do que acarretou na valorização do bezerro.

Hoje a arroba do boi gordo atinge negócios na casa dos R$ 80,00, cerca de 34% a mais que há um ano. Ainda assim, segundo Laucídio, em ganhos reais não se trata de um recorde, já que o sal mineral, que é o principal insumo, dobrou de preço no período.

“Nossas terras são de cerrado e fazer economia em sal mineral é complicado”, diz, explicando que o pecuarista não reduziu o uso do insumo. Segundo ele, os frigoríficos continuam operando com escalas curtas, no intervalo de dois dias entre uma compra de bovinos e outra.



Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)