Cassilândia, Sexta-feira, 02 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

14/09/2010 09:14

Resgate de mineiros enfrenta momento de lentidão

Agência Brasil

As autoridades chilenas descartaram a adoção de um plano D, que era o uso de dinamites na área, para resgatar os 33 mineiros, soterrados a 700 metros de profundidade em uma mina no Deserto do Atacama, no Chile. Soterrados há mais de um mês, os trabalhadores aguardam o resgate que agora segue em um ritmo mais lento desde que a principal máquina perfuradora apresentou um problema técnico. Esta máquina foi batizada de plano B.

Em meio ao desespero dos mineiros e das famílias deles, as autoridades examinaram a possibilidade de dinamitar uma área, próxima à Mina de San José onde estão as vítimas, na tentativa de acelerar o resgate. A ideia, contida no plano D, era entrar por uma chaminé, usando dinamite. Mas o risco de novos desabamentos e do agravamento da situação afastou a alternativa. As informações são da rede estatal de televisão do Chile, a TVN.

Desde o dia 5 de agosto, quando houve o soterramento dos mineiros, as autoridades definiram uma série de estratégias de resgaste denominadas planos A, B, C e agora D. Pela primeira proposta, apenas uma máquina seria acionada para perfurar o local a fim de retirar as vítimas, depois foi definido que era necessário colocar uma outra escavadora mais potente.

No entanto, na semana passada a segunda máquina, batizada de plano B, apresentou problemas técnicos permanecendo quebrada. No sábado (18), quando é comemorado o Bicentenário da Independência do Chile, o governo quer colocar em ação o plano C. Por este plano, será usada uma máquina petrolífera, que exige a implantação de uma plataforma própria para ser acionada.

Na espera pelo resgate, os mineiros são monitorados 24 horas por autoridades chilenas com o apoio de especialistas da Agência Espacial dos Estados Unidos (a Nasa). A ideia é evitar problemas de saúde física e mental, manter o nível de otimismo e o contato dos trabalhadores com os parentes e as autoridades.

Edição: Talita Cavalcante

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
Quinta, 01 de Dezembro de 2016
11:00
Mundo Fitness
10:00
Receita do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)