Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

04/04/2008 09:15

Remédios ficam mais caros, a partir do dia 10 deste mês

Agência do Rádio

Quase 23 mil preços de remédios vão ficar mais caros, a partir do próximo dia dez. O aumento foi anunciado pela Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos, a Cmed, que é ligada à Agência Nacional de Vigilância Sanitária, Anvisa. Dependendo do medicamento, o reajuste deve variar entre três faixas: de 2 vírgula 52 por cento, 3 vírgula 57 por cento e 4 vírgula 61 por cento. Esse aumento é autorizado anualmente, e não pode ser superior ao Índice de Preços ao Consumidor, o IPCA, que está em 4 vírgula 61 por cento. Vale lembrar que o reajuste será aplicado nos 23 mil preços e não a 23 mil remédios, como explica o secretário executivo da Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos, Luiz Milton.


"Cada caixinha é um preço, então cada caixinha tem um preço distinto. Então você tem um produto com um princípio ativo que tem dez, quinze apresentações. O número de produtos é distinto. Para nós que trabalhamos, existem cerca de 23 mil preços, ou seja são 23 mil caixinhas, comprimidos, tubos de pomadas."

O secretário executivo da Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos acrescenta que os remédios fitoterápicos e de manipulação não serão reajustados. As empresas de medicamentos têm até o dia nove deste mês para entregar à Cmed o relatório com os novos preços. Com o reajuste, um medicamento que custa 4 reais e 71 centavos, por exemplo, vai poder custar, no máximo, 4 reais e 92 centavos.

De Brasília, Leilane Alves

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)