Cassilândia, Quarta-feira, 26 de Abril de 2017

Últimas Notícias

02/02/2015 10:32

Reinaldo mantém em R$ 170 o valor pago pelo Vale Renda a 60 mil famílias

Flávia Lima, Campo Grande News

 

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) decidiu manter o valor de R$ 170,00 para os beneficiados do vale renda durante 2015. O decreto foi publicado no Diário Oficial do Estado de hoje. Ao todo em Mato Grosso do Sul, existem 60 mil famílias distribuídas nos 78 municípios que recebem o benefício por estar em situação de vulnerabilidade.

A lei que instituiu o programa Vale Renda foi sancionada pelo ex-governador André Puccinelli, em 2009. No primeiro ano o valor pago às famílias era de R$ 120,00. Em 2012 passou para R$ 155,00, em 2013 eram pagos mensalmente R$ 160,00 e ano passado o benefício subiu para R$ 170,00, valor mantido por Reinaldo.

O reajuste é feito com base na inflação. Neste ano, com a inflação acumulada em 6,25% em Campo Grande não foi repassada para o valor pago às famílias carentes.

Administrado pela Secretaria de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho (Sedhast), o programa ainda garante a 13ª parcela às famílias assistidas pelo Vale Renda. O Estado é o único que paga esse adicional em todo o Brasil.

Critérios - Para receber o benefício, a família deve ter renda per capita inferior ou igual a meio salário mínimo; residir no Estado há pelo menos dois anos e não ser beneficiária de outro programa social do governo federal, estadual ou municipal, exceto quando o valor total dos benefícios recebidos seja inferior ou igual a meio salário mínimo per capita ou haja a integração de programas sociais entre as esferas governamentais.

Regularmente equipes da secretaria de Assitência Social visitam, cadastram e fazem acompanhamento das famílias, verificando se atendem os critérios pré-estabelecidos e, em caso positivo, orientando-as para o posterior cumprimento das condicionalidades do programa Vale-Renda.

A inserção no programa também garante às famílias, curso de alfabetização de jovens e adultos, em caso de membro analfabeto ou semianalfabeto e participação em cursos profissionalizantes, de qualificação profissional ou de geração de emprego e renda.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 26 de Abril de 2017
Terça, 25 de Abril de 2017
Segunda, 24 de Abril de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)