Cassilândia, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

12/03/2007 18:09

Regência: Fetems promete passeata no Parque dos Poderes

Humberto Marques e Paulo Fernandes - Campo Grande News

Professores da rede estadual de ensino de Mato Grosso do Sul podem realizar uma passeata na próxima quinta-feira (15 de março) no Parque dos Poderes, em Campo Grande, caso o governo do Estado não efetue o pagamento integral da regência de classe para a categoria. A afirmação é do presidente da Federação dos Trabalhadores na Educação de Mato Grosso do Sul, Jaime Teixeira, ao informar que a maioria dos docentes rejeita o pagamento da regência em agosto, como chegou a propor o governador André Puccinelli (PMDB).

“Só aceitamos o pagamento imediato da regência. Se o governo não aceitar pagar o que temos direito por lei, iremos parar por 24 horas na quinta-feira, e faremos uma passeata às 9h no Parque dos Poderes”, disparou Teixeira. Segundo o presidente da Fetems, 67 dos 69 sindicatos que participaram da votação sobre o pagamento da regência em agosto rejeitaram a proposta do governador.

Conforme os professores, a folha de pagamento do magistério estadual é de R$ 37 milhões. Geraldo Teixeira, presidente do Sindicato Campo-grandense dos Professores, ressaltou que o pagamento da regência implicaria em um custo adicional de R$ 2 milhões aos cofres estaduais. “O governo pode arcar com R$ 2 milhões. Não conseguimos acreditar que isso não é possível”, ressaltou.

A direção da Fetems e cerca de 70 delegados dos municípios já estão na Governadoria, aguardando o início do encontro. A reunião ainda não teria começado por conta de um impasse: a direção da federação pretendia realizar uma reunião a portas fechadas com Puccinelli e, em seguida, transmitir as informações em uma assembléia extraordinária no Parque dos Poderes. Porém, o governador teria a intenção de se reunir de uma vez com todos os dirigentes.

A regência de classe foi instituída pela Lei Complementar 109/04, após negociação com o então governador Zeca do PT. O dispositivo veio sendo reajustado gradualmente, chegando a 80% em fevereiro de 2005. Neste ano, o percentual chegaria 100%, o que não foi providenciado.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 06 de Dezembro de 2016
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
13:15
Cassilândia
09:00
Maternidade
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)