Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

26/05/2009 10:57

Reforço de 15% no novo efetivo da PM depende da Justiça

Fernanda Mathias, Campo Grande News

O novo efetivo da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul, incorporado dia 15, pode receber reforço de 15%. Isso porque 122 alunos fizeram o curso de formação guarnecidos por mandados de segurança e vai depender da decisão final da Justiça se eles passam ou não a integrar o efetivo da PM.

Enquanto isso não ocorre, conforme portaria publicada no Diário Oficial do Estado desta terça-feira, foi determinado o recolhimento de fardas e outros equipamentos.

São vários os motivos que levaram candidatos a recorrerem à Justiça para assegurar matrícula no curso de formação da Polícia Militar, até que o mérito da ação seja julgado.

Há os que questionam o critério de altura, de idade e também candidatos inscritos em dívida ativa por não pagamento de tributos. Além dos que aguardam decisão judicial, há seis que permanecerão na condição de alunos bolsistas por não terem concluído o curso.

Oficialmente, ontem os policiais começaram a atuar integrados ao efetivo. São 808 em todo Mato Grosso do Sul, sendo que 348 atenderão nos batalhões de Campo Grande e os outros nas cidades do interior do Estado.

No interior, os novos policiais militares foram distribuídos da seguinte maneira: 123 para Aquidauana; 53 para Dourados (que cedeu 23 a Maracaju); 57 para Fátima do Sul; 57 para Jardim; 60 para Nova Andradina; 63 para Paranaíba; 72 para Ponta Porã; 29 para Amambaí; 57 para Três Lagoas e 76 para Coxim

O concurso da Polícia Militar, para soldados, foi realizado em fevereiro do ano passado e 18,6 mil candidatos fizeram as provas.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)