Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

31/08/2010 09:05

Rede de prostituição de homens brasileiros é descoberta

Agência Brasil

A Polícia Nacional da Espanha anunciou hoje (31) a prisão de 14 pessoas envolvidas em uma rede que explorava sexualmente homens brasileiros. O grupo atraía pessoas com passagens de avião e promessas de trabalho na Europa. As informações são da BBC Brasil.

Ao chegar à Espanha, os homens eram obrigados a se prostituir para pagar dívidas que chegavam a 4 mil euros (cerca de R$ 8,9 mil). Eles ficavam em diferentes casas de encontro em todo o país e precisavam estar disponíveis para programas 24 horas por dia.

Para atrair clientes, as fotos dos brasileiros foram publicadas em anúncios de revistas e em sites, anunciando os seus serviços. Segundo a polícia, os homens recebiam da rede de prostituição medicamentos como Viagra, além de cocaína e outras drogas.

Eles eram obrigados a devolver ao grupo 50% do que recebiam pelos programas e pagavam pelo alojamento e pela alimentação. De acordo com autoridades, os homens que se recusavam a cumprir ordens ou causavam algum tipo de problema sofriam ameaças de morte.

A polícia espanhola ainda não divulgou o balanço com o número de homens explorados pela rede, mas 17 deles foram detidos sob a acusação de estarem ilegalmente no país. As prisões foram feitas nas cidades de Palma de Mallorca, León, Barcelona, Alicante e Madri.

Edição: Juliana Andrade

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)