Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

10/02/2006 15:46

Receita divulga regras da declaração do Imposto de Renda

Humberto Marques/Campo Grande News

A Receita Federal divulgou hoje as regras e o prazo para a entrega da Declaração do IRPF 2006 (Imposto de Renda da Pessoa Física), com o ano base de 2005. A instrução normativa sobre o tema foi publicada hoje no Diário Oficial da União. A declaração começara a ser entregue no dia 1º de março, com prazo final em 28 de abril. Segundo a Folha Online, os programas para download para as pessoas que preferirem realizar a entrega via internet estarão disponíveis a partir das 14h do dia 1º de março, no site da Receita Federal (em http://www.receita.fazenda.gov.br).

A declaração é obrigatória aos contribuintes que tiveram, em 2005, rendimentos tributáveis superiores a R$ 13.968, ou que receberam rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte – desde que a soma tenha sido superior a R$ 40 mil – e para quem tinha posses ou propriedade em 31 de dezembro passado com valor superior a R$ 80 mil.

A declaração simplificada online, por sua vez, será permitida apenas aos contribuintes com única fonte pagadora e que tenham rendimentos limitados a R$ 20 mil. A modalidade pode ser feita por telefone (pelo número 0300-780-300) ou pela internet, sem a necessidade de baixar o programa de envio.

Segundo a instrução normativa, está proibido ao contribuinte que recolheu valores do carnê-Leão em 2005 de apresentar a declaração online. A declaração via formulário, por sua vez, é proibida para quem teve proventos acima de R$ 100 mil.

As regras para declaração simplificada, que dá desconto de 20% na renda bruta (limitado a R$ 10.340) foram mantidas, não sendo possível realizar deduções por dependentes e gastos com educação. A multa para quem entregar o imposto após o prazo é de, no mínimo, R$ 165,74, e no máximo de 20% do valor do imposto devido.

O delegado-adjunto da Receita Federal em Mato Grosso do Sul, Roberto Silva Júnior, informou que o órgão espera receber cerca de 230 mil declarações no Estado, “um número que é semelhante ao que foi entregue no ano anterior, quando a Receita contabilizou 228,7 mil declarações em Mato Grosso do Sul”. Já o montante estimado em pagamentos ainda não pode ser estimado, “pois a entrega da declaração não é o momento de se pagar o IR. A partir daí, começa-se a fazer o encontro entre o que é devido e o que será pago. Muitas pessoas, por exemplo, terão direito a restituição, enquanto outros terão saldo a recolher”.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)