Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

24/08/2009 16:51

Receita devolve imposto retido de declaração de 2004

Wellton Máximo , Agência Brasil

Brasília - Cerca de 8,5 mil contribuintes que estavam na malha fina há quatro anos receberam hoje (24) devolução de imposto retido pelo Fisco. A Receita Federal depositou as restituições do lote residual da Declaração do Imposto de Renda 2005 (ano-base 2004).

A consulta estava aberta desde a última segunda-feira (17). Ao todo, a Receita desembolsou R$ 9,94 milhões para 8.436 pessoas físicas. As restituições têm correção de 56,26%, correspondente à variação da taxa Selic desde maio de 2005.

Esses não são os únicos contribuintes que recebem dinheiro do Imposto de Renda nesta semana. Amanhã (25), a Receita libera o pagamento do lote da malha fina de 2006 (ano-base 2005). Terão direito à restituição 10.072 contribuintes que receberão R$ 14,8 milhões de reais, com correção de 39,16%.

Na quarta-feira (26), mais 12.347 pessoas físicas que fizeram a declaração em 2007 (ano-base 2006), terão a restituição depositada na conta corrente. A Receita gastará R$ 25,8 milhões com esses contribuintes.

A relação dos beneficiados está disponível desde a última semana na página da Receita na internet (www.receita.fazenda.gov.br). A consulta está liberada desde o dia 17 para a malha fina de 2005, desde o dia 18 para o lote residual de 2006 e desde o dia 19 para as declarações de 2007.

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte pode consultar o endereço eletrônico da Receita ou ligar para o telefone 146. Caso o valor não seja depositado, o contribuinte poderá ir a qualquer agência do Banco do Brasil ou ligar os telefones 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (deficientes auditivos), para agendar o crédito em conta corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

Além das pessoas que receberão restituições, a Receita encontrou contribuintes com impostos devidos nos três lotes da malha fina. No total, 73.162 pessoas físicas terão de pagar R$ 308,2 milhões em tributos atrasados.

edição: Ivanir José Bortot

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)