Cassilândia, Segunda-feira, 23 de Outubro de 2017

Últimas Notícias

06/04/2006 17:06

Reajuste médio nas contas da Enersul será de 10,33%

Humberto Marques / Campo Grande News

O índice médio global de reajuste aos consumidores de energia elétrica de Mato Grosso do Sul – somados os de baixa e alta tensão – será de 10,33% no faturamento da Enersul (Empresa de Energia Elétrica de Mato Grosso do Sul). O dado foi revelado na tarde de hoje, durante entrevista com o assistente da Direção Executiva da empresa, Paulo César Corrêa Soares, onde foram confirmados os dados repassados na manhã de hoje pela agência reguladora do setor elétrico.

A Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) concedeu um reajuste de 9,3% para as contas de energia elétrica dos chamados consumidores de baixa tensão (cujo uso máximo de eletricidade não ultrapassa 2,3 quilowatts/hora), e de 13,25% para os de alta tensão (consumo superior a 75 kW/h). Os percentuais ficaram bem abaixo do pleiteado pela Enersul – 18,97%. “Do total de consumidores da empresa, 99,7% terão um reajuste de 9,3%” ressaltou Soares. A aplicação de índices tarifários diferenciados obedecem ao decreto 4.667/03, do governo federal.

A Aneel, no instante de avaliar o reajuste, considera a variação de custos das empresas no decorrer do último ano, por meio de grupos de gastos. O primeiro deles, chamados de gerenciáveis (ou parcela B), reúnem despesas com operação, manutenção, reintegração e remuneração de ativos em serviço, utilizando o IGP-M (Índice Geral de Preços de Mercado) descontado do chamado “Fator X” (elemento contábil que considera os ganhos de produtividade decorrentes do aumento do mercado consumidor, avaliação dos consumidores sobre a prestação do serviço e a aplicação do Índice de Preços ao Consumidor Amplo no pagamento da mão-de-obra inclusa nos gastos da parcela B).

O outro grupo é o de custos não-gerenciáveis (parcela A), que inclui a energia comprada de geradoras, os encargos sociais (conta de consumo de combustível , reserva global de reversão, taxa de fiscalização da Aneel, encargos de transmissão e conta de desenvolvimento energético). Também são incluídos ajustes financeiros referentes a desembolsos das concessionárias sem cobertura tarifária – em períodos anteriores ao reajuste, desde que sejam reconhecidos pela agência reguladora.

Enquadra-se nesse último item o reposicionamento tarifário de 2003, que ocorrerá até o próximo ano. A terceira parcela do aumento de três anos atrás é de R$ 53 milhões (equivalente a 42,23%). Em 2008, está prevista uma nova revisão tarifária. Há, ainda, a incidência de passivos do PIS/Pasep e Cofins dos anos de 2002 a 2005, que é alvo de disputa tributária sobre qual valor deve ser aplicado na tarifação: os R$ 51,6 milhões arrecadados pela empresa ou os R$ 32,1 milhões reconhecidos pela Aneel.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 23 de Outubro de 2017
Domingo, 22 de Outubro de 2017
Sábado, 21 de Outubro de 2017
10:00
Receita do dia
Sexta, 20 de Outubro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)