Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

10/12/2004 13:36

Quem descuidar do combate à aftosa será punido

FamasulNoticias

A Comissão de Assuntos Sociais (CAS) aprovou relatório favorável a projeto oriundo da Câmara (76/04) que pune produtores rurais que não cumprirem normas de combate à febre aftosa. O relator da matéria, senador Jonas Pinheiro (PFL), destacou que um total de 85% do rebanho brasileiro é considerado livre da doença graças à vacinação e pecuaristas que não tomam as devidas precauções põem em risco as exportações do produto. Em 2003, as exportações brasileiras de carne bovina somaram US$ 1,5 bilhão, segundo o senador.

O projeto prevê penalidades para produtores que deixarem de notificar as autoridades competentes da presença de focos da doença em seus rebanhos ou para quem deixar de vacinar ou impedir e dificultar a aplicação de medidas sanitárias contra a doença. O texto fixa o pagamento de multa de até R$ 1,5 milhão para quem descumprir essas normas. No caso dos agricultores familiares a multa é no máximo de R$ 3.250.

Foi aprovado na mesma reunião da CAS requerimento do senador Flávio Arns determinando a realização na próxima terça-feira (14), às 14h, de audiência pública para tratar de projetos que deliberam sobre o pagamento do Benefício de Prestação Continuada (BPC) (salário pago pelo estado a portadores de deficiência) e as implicações desse benefício na inserção de deficientes do mercado de trabalho. Entre os convidados por Arns estão a sub-procuradora do Ministério Público do Trabalho, Maria Aparecida Gurgel; o conselheiro do Conselho Nacional dos Direitos da Pessoa Portadora de Deficiência, Valdir Macieira e representante do Ministério do Desenvolvimento Social e do Combate à Fome.

Foi adiada para a próxima quarta-feira (15) a audiência pública com o ministro da Saúde, Humberto Costa, para tratar do orçamento do ministério para 2005. O ministro deveria ter vindo nesta quarta (8), mas teve problemas de saúde e não pôde comparecer à reunião.

Os membros da CAS aprovaram ainda voto em separado apresentado pela senadora Patrícia Saboya (PPS-CE) pela rejeição do projeto (PLS 393/03) de autoria do senador Valmir Amaral (PMDB-DF). O projeto trata do encaminhamento ao Conselho Tutelar de criança que tenha praticado ato infracional. Patrícia apresentou voto diferente do proposto pelo relator da matéria, senador Aelton Freitas (PL-MG), que foi favorável à proposta.

Patrícia Saboya considera que o projeto é redundante, uma vez que sua principal proposta - evitar que crianças sejam privadas de liberdade - já está contemplada no Estatuto da Criança e do Adolescente. A senadora também acha que faltam clareza e precisão ao texto proposto por Amaral, embora reconheça a validade da intenção do senador. A decisão final sobre a matéria será dada - em caráter terminativo- na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ).



Autor:
Da Agência Senado - Notícia adaptada pela equipe do Boletim Agropecuário

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)