Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

02/07/2016 19:00

Queda de juros no novo Plano Safra atrai pequenos produtores

Campo Grande News

Com a reformulação do Pronaf (Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar) e queda dos juros de 5,5% para 2,5% ao ano, a estimativa do Banco do Brasil é que o acesso de pequenos produtores dobre neste ano, em curto prazo. O Plano Safra será lançado em Campo Grande, no dia 5 de julho, no Banco do Brasil.

Só em Figueirão, distante 226 km de Campo Grande, o programa somou o acesso de R$ 22 milhões de crédito em um ano. Segundo o gerente do Banco do Brasil, agência Costa Rica, Flávio Guilherme Alcantu, assim como Figueirão, os municípios de Alcinópolis, Costa Rica e Camapuã, também devem elevar a busca pelo Pronaf.

“Esses municípios, possuem altíssimo potencial produtivo. O agronegócio na região tem muito a crescer, o que falta é que os próprios produtores rurais acreditem no seu empreendedorismo e trabalhem o melhoramento genético do rebanho, estimulando tanto a pecuária de corte, como a de leite, grandes aptidões da região”.

Durante o 2º Simpósio de Pecuária Leiteira o pecuarista, Carlos Adriano Carneiro, que com recursos próprios, elevou sua produção de leite em quase 360%, passando de 18 mil litros por ano, para 84 mil litros, mostrou-se atraído pela baixa no juros e pretende o acesso à linha de crédito voltada para pequenas propriedades rurais.

“Sem linha de crédito tive picos de produção que chegaram a 420 litros de leite em um dia, com 42 vacas. Mas quero chegar a 500 litros por dia e ainda implantar uma área de pastagem com irrigação, aumentando volume e qualidade do leite”.

Com investimentos na produção, o pecuarista que trabalha em uma área de 100 hectares, conta que agregou valor ao produto e praticamente dobrou o preço do litro, sendo que antes era entregue para o laticínio por R$ 0,40, atualmente comercializa por R$ 1,35. “O mercado ajudou, mas o que vejo como diferença foi o investimento em genética, pastagem, silagem e modernização da propriedade, estimulada pelo Programa Produzir Mais”, ressalta.

De acordo com o prefeito de Figueirão, Rogério Rosalin (PR), 16 pecuaristas participam atualmente do Produzir Mais, programa que avalia e dá assistência técnica gratuita às propriedades do município.

“Essa é nossa primeira etapa e em menos de um ano o programa já rendeu bons fruto, principalmente à pecuária leiteira. Com o acesso ao crédito, os pecuaristas da região vão poder elevar a qualidade e se empenhar em uma produção ainda mais eficaz”.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)