Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

08/03/2004 11:24

Quase 17 milhões de trabalhadoras sem INSS

Agência Brasil

Apesar da crescente participação da mulher no mercado de trabalho, muitas ainda estão excluídas da cobertura da Previdência Social. De acordo com levantamento da Secretaria de Previdência Social (SPS), baseado no censo do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) de 2001, dos 40,7 milhões de trabalhadores sem previdência, 16,8 milhões são mulheres.

Essas mulheres não possuem acesso a uma rede de proteção social que assegura a reposição da renda quando ocorre a perda da capacidade de trabalho, não apenas na velhice, mas ao longo de toda a vida, seja por doença ou no período pós-parto.

Neste ano, o Programa de Educação Previdenciária (PEP) e seus 102 comitês espalhados por todo o país escolheram como um dos focos principais os trabalhadores domésticos, que representam 18,4% dos trabalhadores brasileiros. Destes, apenas 4,7% têm carteira assinada. As mulheres representam 13,1% dos empregados domésticos sem carteira assinada.

A Previdência Social não chega a 30% das mulheres que trabalham em lares. “A situação é crítica nessa categoria de trabalhador. Por isso, 2004 terá um foco especial para o trabalhador doméstico”, informou a coordenadora nacional do Programa de Educação Previdenciária, Tereza Ouro. Segundo ela, várias atividades acontecerão nos estados, como seminários, palestras e exposições, a fim de que as mulheres passem a conhecer os benefícios a que têm direito.

As informações são do Ministério da Previdência Social

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)