Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

13/01/2011 17:39

Quase 1,7 mil cursos de instituições de ensino superior estão impedidos de participar do Fies

Amanda Cieglinski, Agência Brasil

Brasília - Quase 1.700 cursos do ensino superior que obtiveram resultados insatisfatórios nas avaliações do Ministério da Educação (MEC) não poderão mais ofertar vagas por meio do Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (Fies). Esses cursos obtiveram nota 1 ou 2 no conceito preliminar de curso (CPC).

O indicador avalia a qualidade do ensino oferecido a partir da nota obtida pelos alunos no Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade), a titulação e regime de trabalho do corpo docente e a infraestrutura. Os resultados 1 e 2 são considerados insatisfatórios, 3 razoável, e 4 e 5 bons. Os cursos com CPC 1 e 2 representam 34% do total dos avaliados.

O Fies permite ao aluno de baixa renda financiar seus estudos em estabelecimentos privados de ensino. De acordo com o ministro da Educação, Fernando Haddad, os alunos que já estudam em cursos com CPC 1 e 2 com o Fies permanecem com os contratos ativos. Mas as instituições ficam impedidas de receber novos universitários por meio do programa.

Mais de um quarto dos cursos avaliados ficaram sem conceito. Isso ocorre quando a amostra de alunos participantes das avaliações que compõem o CPC é considerada insuficiente. Nesse caso, o critério que será levado em conta para permitir ou não a participação no Fies será a nota obtida pela instituição no Índice Geral de Cursos (IGC).

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)