Cassilândia, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

29/10/2009 20:56

Quadrilha trazia droga em avião e distribuia em ônibus

Angela Kempfer, Campo Grande News

Em entrevista coletiva na manhã de hoje em Uberlândia (MG), o delegado da Polícia Federal, Júlio Cesar Domingues Bortolato, detalhou a Operação Triângulo, desencadeada em 5 estados contra quadrilha de traficantes.

As investigações mostraram que duas rotas era utilizadas para a entrada de cocaína e maconha no País e distribuição para Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Bahia. A primeira delas passa por território sul-mato-grossense.

Segundo o delegado, o grupo trazia a droga de Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia, até Pedro Juan Caballero, no Paraguai, usando avião.

Ao cruzar a fronteira, já em Ponta Porã, a droga era dividida entre “mulas”, pessoas contratadas para levarem a droga em ônibus de linhas interestaduais até Anápolis e Caldas Novas, em Goiás.

A estratégia é confirmada em apreensões registradas todas as semanas em ônibus que cruzam Mato Grosso do Sul.

“Nesse ponto, as drogas puras eram misturadas a outras substâncias para distribuição”, disse Bortolato.

O segundo ponto de entrada no Brasil era via Cáceres, no Mato Grosso, seguindo para Tangará da Serra. “De caminhão, era distribuída no Sudeste e Sul do País, para posterior redistribuição no território nacional”, afirmou o delegado-chefe.
A Polícia Federal mineira considera essa a maior operação de combate ao crime organizado na região.

Participam da operação 210 policiais federais dos cinco estados envolvidos, sendo que de Minas Gerais são 140 policiais federais em ação.

Hoje, 37 pessoas já foram presas nos 5 estados e serão indiciados pelos crimes de Tráfico Internacional de Drogas e Associação para o Tráfico.

Até o momento, os agentes recuperaram R$ 100 mil reais em espécie em Minas Gerais e no Mato Grosso, além de R$ 400 mil em cheques, mas os valores ainda estão sendo contabilizados.

Em Mato Grosso do Sul, só foi confirmada até agora uma prisão, na manhã de hoje e em Campo Grande, no bairro Taquarussu. Outro mandado de prisão deveria ser cumprido na região de Ponta Porã.

"Desde dezembro temos procurado drogas de maneira a fazer uma vinculação com os líderes da organização criminosa, que normalmente não colocam a mão na droga. Agora os líderes estão identificados e já foram presos. Não temos a menor dúvida de que a quadrilha foi completamente desbaratada", avaliou o delegado regional de combate ao crime organizado da Polícia Federal em Minas, Marcelo Freitas.

Em janeiro deste ano, a Polícia Federal prendeu integrantes de quatro organizações criminosas que faziam a distribuição de cocaína boliviana a seis estados brasileiros também com droga que vinha de Santa Cruz de La Siera com destino a Goiás, Minas, Bahia, São Paulo e Distrito Federal. A entrada ocorria por Corumbá (MS) e Cáceres (MT).

Uma das quadrilhas identificada também transportava a cocaína em aeronaves. O entorpecente era lançado em fazendas da organização, para posterior revenda e distribuição. (Com informações do Correio de Uberlândia)

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)