Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

30/05/2006 09:35

Publicitária conta como parou de fumar

Agência do Rádio

No Brasil, cerca de 19% da população, acima dos 15 anos de idade, fuma. Se comparado a 1989, o índice caiu. A taxa era de 32%. A Organização Mundial de Saúde comemora nesta quarta-feira, 31 de maio, o Dia Mundial sem Tabaco. O tema escolhido para este ano é "Tabaco, mortífero em todas as suas formas e disfarces." O objetivo é mostrar para a sociedade que tanto os cigarros regulares, como os considerados lights, os cachimbos e os charutos são prejudiciais à saúde. Para a maioria das pessoas, parar de fumar é uma tarefa difícil. A publicitária Natália Senna conta o que a fez para abandonar o vício.

"Eu parei de fumar há quatro anos. Eu fumei durante seis meses e foi uma fase que eu realmente saía muito e eu sentia necessidade de estar acompanhando as minhas amigas que todas fumavam também. Então naquela época eu fumava três cigarros por dia e eu sentia necessidade. Mas, a partir do momento que eu comecei a namorar, o meu namorado não gostava. Não gostava do cheiro, não gostava porque me fazia mal, também fazia mal à minha saúde, então eu me conscientizei e vi que não valia a pena continuar. Hoje não sinto falta nenhuma, nenhuma mesmo, de fumar."

Cerca de 200 mil pessoas morrem por ano no Brasil, vítimas do tabagismo. O cigarro pode causar câncer, doenças cardíacas e enfizemas. Quem quer parar e precisa de ajuda pode recorrer ao Disque Saúde. O número é 0800 61 1997. Pela opção seis, a pessoa pode obter informações sobre como parar de fumar.

De Brasília, Kelly Beltrão

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)