Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

09/11/2015 17:00

Protesto dos caminhoneiros bloqueia duas rodovias em MS

Flávio Verão, Dourados Agora
Caminhoneiros fecham BR-267 na região de Maracaju Foto: PRFCaminhoneiros fecham BR-267 na região de Maracaju Foto: PRF

 

A paralisação dos caminhoneiros chegou a Mato Grosso do Sul no final da manhã desta segunda-feira (9). Pelo menos duas rodovias federais estão fechadas para a passagem de caminhões e carretas.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), os bloqueios ocorrem na BR-463, km 105, próximo a Ponta Porã. No início da tarde de hoje pelo menos 40 carretas estão paradas às margens da rodovia.

O outro manifesto ocorre na BR-267, próximo a Maracaju. Não há informação do quantitativo de caminhões envolvidos no manifesto, mas a proposta é a mesma: impedir a passagem dos demais caminhões e carretas. A PRF se desloca para os dois pontos de paralisação.

Em Dourados a categoria dos caminhoneiros ainda não se posicionou se participará do movimento.

Nacional

O manifesto ocorre em pelo menos mais 11 estados do país. O Comando Nacional do Transporte critica o governo de Dilma Rousseff e pedem o afastamento da presidenta. De acordo com o movimento, há manifestações em São Paulo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, no Tocantins, Paraná, em Santa Catarina, no Rio Grande do Sul, Espírito Santo, Rio Grande do Norte e em Pernambuco.

Os grupos não se intitulam ligados a sindicatos ou federações e também dizem que não pertencem a partidos políticos. Porém, a Confederação Nacional dos Trabalhadores em Transportes e Logística (CNTTL), entidade filiada à Central Única dos Trabalhadores (CUT), disse que os caminhoneiros estão sendo usados em prol de interesses políticos, e que o grupo não representa e não tem compromisso com a categoria.

Entidades da categoria divulgaram notas em que criticam o protesto. Por meio de nota, a Confederação Nacional dos Transportadores Autônomos (CNTA) classificou como imoral “qualquer mobilização que se utiliza da boa fé dos caminhoneiros autônomos para promover o caos no país e pressionar o governo em prol de interesses políticos ou particulares, que nada têm a ver com os problemas da categoria”.

No início do ano os caminhoneiros fecharam várias rodovias do país. Na época eles protestaram contra a alta do diesel e a desvalorização do frete.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)