Cassilândia, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

08/06/2008 08:15

Proposta permite que universidades registrem diplomas

Agência Câmara

A Câmara avalia a proposta que permite às universidades o registro oficial de seus próprios diplomas, hoje feito pelo Ministério da Educação. O Projeto de Lei 2874/08, de autoria do deputado Átila Lira (PSB-PI), modifica a Lei de Diretrizes e Bases da Educação (Lei 9.394/96).

O projeto estabelece que os diplomas de cursos reconhecidos, expedidos por instituições não-universitárias credenciadas, e com conceito satisfatório nos processos de avaliação oficiais, também serão registrados pela própria instituição.

Já os diplomas conferidos por instituições não-universitárias não submetidas à avaliação oficial ou com avaliação insatisfatória serão registrados por universidades indicadas pelo Conselho Nacional de Educação.

Exigência burocrática
O deputado argumenta que poucos países no mundo têm, como o Brasil, "tamanho rol de exigências para colocar em funcionamento uma instituição de ensino superior e para mantê-la operando, com qualidade, por longo período de tempo".

Segundo Lira, o objetivo do projeto é "reconhecer o esforço das boas instituições credenciadas, bem avaliadas e integrantes do sistema federal - qualquer que seja seu tamanho e abrangência". Por outro lado, há também a intenção de "desonerar a burocracia oficial de ações totalmente desnecessárias".

Para o deputado, se o poder público permite às instituições de ensino o funcionamento, a formação de alunos e a expedição dos diplomas, "por que não podem completar o processo e também registrá-los, dentro das regras oficiais?". Ele ressalta que a autorização para o funcionamento dos cursos é dada "após um sem-número de requisitos e procedimentos acadêmicos e burocráticos".

Tramitação
O projeto será analisado em caráter conclusivo pelas comissões de Educação e Cultura; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
13:15
Cassilândia
09:00
Maternidade
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)