Cassilândia, Quarta-feira, 18 de Janeiro de 2017

Últimas Notícias

04/01/2008 06:03

Proposta aumenta repasse do IPVA para municípios

A Câmara analisa a PEC (Proposta de Emenda à Constituição) 91/07, que propõe o aumento do repasse aos municípios do IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) arrecadado pelos estados. A proposta eleva o percentual do repasse de 50% para 60% da arrecadação.

De autoria do deputado Silvinho Peccioli (DEM-SP), a medida, se for aprovada, entrará em vigor na data de sua publicação, mas produzirá efeitos financeiros a partir de 1º de janeiro do ano seguinte à promulgação.

Segundo o parlamentar, ao mesmo tempo em que se observa "um crescimento exponencial dos problemas de trânsito nas grandes cidades", os estados transferem "à iniciativa privada as responsabilidades pela construção, manutenção e conservação de estradas, por meio de concessões e, mais recentemente, por meio dos projetos de PPP (parceria público-privada)".

Peccioli destaca que a administração municipal enfrenta problemas e transtornos de toda ordem, como congestionamentos, acidentes de trânsito e poluição ambiental, fenômenos agravados pelo crescimento da frota de veículos. Já os estados se desobrigaram de investimentos e gastos com a manutenção das principais estradas sob sua responsabilidade.

Desse modo, o deputado não considera justo que os estados "continuem a reter 50% dos recursos do produto da arrecadação do IPVA, uma vez que, ao contrário do que vem ocorrendo com os estados, nos municípios os investimentos e gastos com o setor de transporte só vêm aumentando".

A proposta será analisada pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania quanto à admissibilidade. Se aprovada, será submetida a uma comissão especial. Depois, seguirá para o plenário, onde precisa ser votada em dois turnos.



Agência Câmara

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 18 de Janeiro de 2017
Terça, 17 de Janeiro de 2017
23:53
Loteria
10:00
Receita do dia
Segunda, 16 de Janeiro de 2017
10:04
Coluna da juíza Luciane Buriasco Isquerdo
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)