Cassilândia, Sexta-feira, 25 de Maio de 2018

Últimas Notícias

11/09/2014 16:15

Promotora recomenda que prefeitura faça concurso público para professores

Campo Grande News

A Promotora de Justiça Bianka Mendes, da 5ª Promotoria de Justiça da Defesa do Patrimônio Público do Município de Ponta Porã - distante 323 km de Campo Grande, recomendou que o prefeito Ludimar Godoy realize um concurso público para a contratação de professores ainda este ano.

Segundo informações do MPE/MS (Ministério Público do Estado de Mato Grosso do Sul), para fazer a recomendação, a promotora levou em conta que o último concurso realizado pelo município para o cargo de professor foi em 2009. Devido a isso, ela considera a situação atual irregular, pois estão sendo feitas contratações excepcionais temporárias.

A recomendação inclui que o concurso público seja lançado no prazo de 60 dias e após o termino do certame, os professores contratados sem concurso sejam exonerados, conforme rege o art. 27°, inciso III, da Constituição Estadual do Mato Grosso do Sul. Ao fim de cada data pré-estabelecida, a promotora pede uma cópia, via ofício, para comprovar a realização do concurso.

Ainda de acordo com o MPE/MS, o município de Ponta Porã não tem nenhum concurso em andamento para o cargo de professor, conforme resposta ao ofício nº 0154/2014. Segundo a Promotora, constitui ato de improbidade administrativa a contratação irregular de servidores públicos, nos termos dos arts. 10, caput, e 11 da Lei nº 8429/92.

O regime de contratação temporária deve atender a três pressupostos constitucionais: a determinabilidade temporal da contratação, a temporariedade da função a ser exercida e, por fim, a previsão legal dos casos de excepcional interesse público que ensejam a contratação de novos servidores temporários, nos termos do artigo 37, inciso IX, da Constituição Federal.

Segundo a Promotora de Justiça , o concurso público é o meio técnico posto à disposição da administração pública para obter moralidade, eficiência e aperfeiçoamento do serviço público e, ao mesmo tempo, propiciar igual oportunidade a todos os interessados que atendam aos requisitos da lei.

A reportagem entrou em contato com o prefeito Ludimar Godoy, mas não obteve retorno até o fechamento desta matéria.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 25 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Quinta, 24 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Quarta, 23 de Maio de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)