Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

18/09/2008 19:52

Promotor pede impugnação da pesquisa do Ipems

João Prestes/Midiamax

O promotor eleitoral Fernando Martins Zauta pediu, hoje (17), a impugnação da divulgação de pesquisa do Instituto Ipems em Sidrolândia. A juíza eleitoral da Comarca, Joselita Turini, ainda não havia tomado uma decisão até a edição desta matéria. O promotor aponta uma série de razões para pedir que os resultados da pesquisa não sejam mais divulgados e ainda quer que, sendo atendido, os veículos de comunicação informem o público sobre a decisão.
A pesquisa foi concluída dia 1º de setembro e já divulgada por alguns órgãos de imprensa, bem como por candidatos nos horários políticos. O promotor disse que agiu expontaneamente, ao analisar a documentação e entender que muitos requisitos não foram cumpridos pelo instituto na realização do levantamento de dados.

O Ipems não apresenta justificativas para os critérios adotados ao ouvir determinado número de pessoas em um bairro, e em outro de população equivalente, entrevistar menos pessoas, diz o promotor. Também não diz em que locais, propriamente, foram feitas as entrevistas, nem os horários. O promotor pondera que, se o entrevistado colheu as opiniões na porta de uma fábrica, por exemplo, em espaço curto de tempo, o resultado pode ser viciado.

Outras razões apontadas pelo promotor para pedir a impugnação da pesquisa é porque não foram informados os nomes dos entrevistadores, e o próprio instituto aparece como o agente contratador do serviço. O mais comum é que veículos de comunicação contratem institutos para fazer pesquisas.

“A falta de justificativas impede a dar credibilidade ao levantamento da pesquisa”, observou o promotor.

O diretor do Ipems, Lauredir Sandim, evitou comentar as ponderações do promotor. Disse que não foi notificado e só vai se manifestar em juízo, preferindo não tratar do assunto com a imprensa.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 18 de Dezembro de 2017
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)