Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

22/01/2004 13:25

Projeto regulamenta atuação das guardas municipais

Agência Câmara

O deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP) apresentou à Câmara projeto de Lei (PL 1332/03) para regulamentar as atribuições e competências das guardas municipais. A proposta determina que os integrantes da guarda deverão ser servidores policiais municipais, que atuarão uniformizados e armados.
Segundo o parlamentar, desde a promulgação da Constituição, as guardas municipais vêm-se multiplicando em larga escala por todo o País, especialmente em São Paulo, que hoje já conta com mais de 300 corporações - mais da metade das existentes no Brasil. "Aliados a esse crescimento, multiplicaram-se também os problemas que a falta de regulamentação da atividade das guardas municipais trouxe à sociedade", afirma.
Na avaliação do deputado, sempre que esse tema é colocado em pauta, é possível notar que a sociedade e seus representantes desconhecem o assunto. Para ele, a desmistificação do tema possibilitará a derrubada de alguns dogmas a respeito.

CONSELHO FEDERAL
O texto proposto cria, no âmbito do Ministério da Justiça, o Conselho Federal das Guardas Civis, a quem caberá a orientação, o registro e o acompanhamento dessas guardas, observando determinadas diretrizes.
O projeto define também que caberá à Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) garantir às prefeituras municipais, sem custos de manutenção e instalação, linhas telefônicas de número 1532, além de uma faixa exclusiva de freqüência de rádio. Essas linhas servirão aos municípios que tenham ou venham a criar guardas civis.

O projeto está na Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado, Violência e Narcotráfico, onde será relatado pelo deputado Sandro Mabel (PL-GO).



Reportagem - Maristela Sant'Ana
Edição – Simone Ravazzolli


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)