Cassilândia, Quarta-feira, 08 de Abril de 2020

Últimas Notícias

09/03/2020 17:30

Projeto quer monitorar e cadastrar pacientes com depressão pós-parto

Campo Grande News

O projeto apresentado na Assembleia quer criar uma série de medidas para o cuidado de pacientes com depressão pós-parto, em Mato Grosso do Sul. Entre as ações está o cadastro e acompanhamento destas mulheres, assim como estratégia para reduzir o agravamento da doença nas unidades de saúde.

A proposta pretende identificar quais são as portadoras da doença, assim como prevenir este quadro de saúde. “Infelizmente, os órgãos da saúde não têm estabelecido estratégias para tratar as mulheres afetadas pela doença", diz o autor, o deputado Lídio Lopes (Patri).

Ainda está previsto a realização de estudos e pesquisas sobre o diagnóstico precoce e tratamento. Outro foco será na disseminação das informações, para esclarecer dúvidas das pacientes e dos seus familiares.

A matéria também quer a capacitação dos profissionais que atendem mulheres no período de pré- e pós-natal, além da coleta de dados sobre o assunto, para formular políticas públicas no setor. “Projeto de lei vem no sentido de estimular estudos sobre o tema, promover a preparação e capacitação”, justificou o parlamentar.

O projeto segue para as comissões da Assembleia, para depois ser votado em plenário pelos deputados. Caso seja aprovado, ainda passa pelo crivo do governador Reinaldo Azambuja (PSDB), que pode vetar ou sancionar a matéria.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 08 de Abril de 2020
Terça, 07 de Abril de 2020
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)