Cassilândia, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

27/05/2005 07:37

Projeto permite ligadura de trompas após parto ou aborto

Agência Câmara

Está em análise na Câmara o Projeto de Lei 5061/05, que permite a laqueadura de trompas depois de parto ou aborto quando a paciente já tiver sido submetida a pelo menos uma cesária anterior. "Dessa maneira, protege-se a mulher de um sofrimento posterior desnecessário, já que a lei a lei atual só permite a esterelização 42 dias após o parto ou aborto", explica o autor da proposta, deputado João Batista (PFL-SP).

Planejamento Familiar
O projeto flexibiliza a Lei do Planejamento Familiar (Lei 9263/96), que restringe a realização de ligadura de trompas a casos em que a mulher já tenha sido submetida a sucessivas cesarianas ou quando a exposição à segunda cirurgia representar maior risco para sua saúde. Nesse caso, a indicação cirúrgica deverá ser atestada por dois médicos.
A lei atual, na opinião do deputado João Batista, pune a mulher saudável, que é obrigada a esperar 42 dias após o parto – inclusive no caso de cesariana –, para fazer a laqueadura, mesmo com indicação médica. "Por que puni-la com nova anestesia e procedimento cirúrgico? Por que não aliviá-la desse sofrimento evitável? Não reza a Constituição que o planejamento familiar é livre decisão do casal?”, questiona.

Tramitação
O projeto, sujeito a votação em plenário, foi encaminhado para a Comissão de Seguridade Social e Família. Depois, será analisado pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania.



Reportagem – Antonio Barros
Edição - Wilson Silveira


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)