Cassilândia, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

04/11/2004 13:45

Projeto exige bons antecedentes de líder religioso

Agência Câmara

A abertura de templos religiosos poderá ficar condicionada à concessão de licença de funcionamento pelo Poder Público municipal e de inscrição do nome do responsável no Registro Civil de Pessoas Jurídicas. "Não estamos inovando ao exigir a obtenção de licença prévia. A inovação está na exigência de requisitos mínimos de identificação da pessoa que ficará responsável pelos cultos religiosos", afirma a autora do projeto que prevê essas exigências (PL 4227/04), deputada Gorete Pereira (PL-CE).
Para a concessão da licença prévia e do registro civil, a proposta exige a apresentação de documentos contendo dados da Igreja a que está vinculado o templo religioso; e nome, identificação, residência, formação profissional e certidão negativa criminal do responsável pela condução dos cultos religiosos.
A intenção é "impedir algum falsário de fazer uso indevido do nome de Deus", explica Gorete Pereira. "Pretendemos atingir apenas aqueles estelionatários que fingem pregar a palavra divina", acrescenta.

Atrocidades pela fé
"Não podemos perder de vista que verdadeiras atrocidades foram cometidas ao longo da história em nome da fé", observa a autora do projeto. No Brasil, Gorete Pereira lembra o caso dos "meninos de Altamira", no Pará, quando entre 1989 e 1993 19 crianças foram mutiladas, torturadas e assassinadas durante cultos da seita Lineamento Universal Superior. "Daí a importância de que o Estado atue como guardião da boa-fé e da integridade física e psicológica dos cidadãos, ao mesmo tempo em que defende a liberdade de religião", resume a parlamentar.

Tramitação
A matéria está na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ), aguardando a definição do deputado que a relatará. Após a análise da CCJ, a proposição, que tramita em caráter conclusivo, deverá ser encaminhada ao Senado Federal.



Reportagem - Natalia Doederlein
Edição - Patricia Roedel

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)