Cassilândia, Segunda-feira, 20 de Novembro de 2017

Últimas Notícias

04/11/2004 13:45

Projeto exige bons antecedentes de líder religioso

Agência Câmara

A abertura de templos religiosos poderá ficar condicionada à concessão de licença de funcionamento pelo Poder Público municipal e de inscrição do nome do responsável no Registro Civil de Pessoas Jurídicas. "Não estamos inovando ao exigir a obtenção de licença prévia. A inovação está na exigência de requisitos mínimos de identificação da pessoa que ficará responsável pelos cultos religiosos", afirma a autora do projeto que prevê essas exigências (PL 4227/04), deputada Gorete Pereira (PL-CE).
Para a concessão da licença prévia e do registro civil, a proposta exige a apresentação de documentos contendo dados da Igreja a que está vinculado o templo religioso; e nome, identificação, residência, formação profissional e certidão negativa criminal do responsável pela condução dos cultos religiosos.
A intenção é "impedir algum falsário de fazer uso indevido do nome de Deus", explica Gorete Pereira. "Pretendemos atingir apenas aqueles estelionatários que fingem pregar a palavra divina", acrescenta.

Atrocidades pela fé
"Não podemos perder de vista que verdadeiras atrocidades foram cometidas ao longo da história em nome da fé", observa a autora do projeto. No Brasil, Gorete Pereira lembra o caso dos "meninos de Altamira", no Pará, quando entre 1989 e 1993 19 crianças foram mutiladas, torturadas e assassinadas durante cultos da seita Lineamento Universal Superior. "Daí a importância de que o Estado atue como guardião da boa-fé e da integridade física e psicológica dos cidadãos, ao mesmo tempo em que defende a liberdade de religião", resume a parlamentar.

Tramitação
A matéria está na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ), aguardando a definição do deputado que a relatará. Após a análise da CCJ, a proposição, que tramita em caráter conclusivo, deverá ser encaminhada ao Senado Federal.



Reportagem - Natalia Doederlein
Edição - Patricia Roedel

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 20 de Novembro de 2017
Domingo, 19 de Novembro de 2017
11:00
Mundo Fitness
Sábado, 18 de Novembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sexta, 17 de Novembro de 2017
19:49
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)