Cassilândia, Segunda-feira, 23 de Outubro de 2017

Últimas Notícias

16/04/2015 14:20

Projeto de redução de ICMS da energia é arquivado na Assembleia

Campo Grande News

O projeto que previa a redução de ICMS da energia elétrica, para os consumidores acima de 200 Kwh ( quilowatt-hora), de 20% para 17%, teve cinco votos contrários na CCJR (Comissão de Constituição, Justiça e Redação), e por esta razão foi arquivado na Assembleia Legislativa. O autor da proposta, o deputado Marquinhos Trad (PMDB), lamentou o resultado, questionando os argumentos usados pelos colegas.

“Esta situação lembra muito o projeto do IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores), que previa desconto de 15% e parcelamento em dez vezes, a antiga gestão não aceitava porque iria diminuir arrecadação, mas aconteceu o contrário e dobrou a arrecadação”, disse ele.

Esta foi justamente a justificativa do deputado José Carlos Barbosa (PSB), que salientou que o projeto não tinha um estudo de previsão orçamentária e vai contra as regras da LRF (Lei de Responsabilidade Fiscal), que prevê um planejamento sobre questões que vão incidir na arrecadação. “Este foi o meu posicionamento que foi seguido pelos demais colegas”, disse ele.

O relator do projeto, Maurício Picarelli (PMDB), havia dado parecer favorável, mas voltou atrás da decisão, após o posicionamento do deputado do PSB. Lídio Lopes (PEN), Flávio Kayat (PSDB) e Amarildo Cruz (PT) seguiram a mesma posição.

Projeto – A proposta explicava que de 51 a 200 ( Kwh) é cobrado a alíquota de 17%, depois de 200 a 500 ( Kwh) 20% e acima de 501 ( Kwh) 25%. O autor do projeto tinha como intenção estabelecer a tributação de 17% para os consumidores acima de 200 ( Kwh), citando como exemplo o Estado de São Paulo, que cobra tributação semelhante.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 23 de Outubro de 2017
09:00
Cultura
Domingo, 22 de Outubro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)