Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

10/01/2007 07:50

Projeto cria 262 vagas para o Supremo Tribunal Federal

Agência Câmara

Tramita na Câmara Federal o Projeto de Lei 7507/06, do Supremo Tribunal Federal (STF), que cria 185 cargos de analista judiciário e 77 de técnico judiciário no quadro de servidores do órgão. Segundo a proposta, os novos cargos vão representar um aumento de R$ 18,6 milhões no orçamento de pessoal do STF. Mas a presidente do tribunal, ministra Ellen Gracie, afirma que o STF conta com margem de crescimento de R$ 116 milhões para a rubrica em 2007 sem ferir a Lei de Responsabilidade Fiscal.

Entre os futuros contratados, 46 deverão ser analistas especializados em informática, 46 da área judiciária e 80 da área de comunicação. Além disso, estão previstas 13 vagas para outras especialidades. Dos técnicos, 38 deverão ser lotados no setor de informática e 39 em trabalhos administrativos.

De acordo com Ellen Gracie, as vagas criadas para o STF em 2004 não foram suficientes para suprir as necessidades decorrentes do aumento contínuo do número de processos. As vagas também deverão servir para cumprir a meta de dar mais rapidez aos trabalhos da instituição, com a adoção de processo eletrônico e de certificação digital.

Tramitação
O projeto tramita em regime de prioridade e em caráter conclusivo. Ele será examinado pelas comissões de Trabalho, de Administração e Serviço Público; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)