Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

06/06/2006 15:45

Programa de MS é escolhido para evento mundial


O Programa de Proteção à Gestante de Mato Grosso do Sul vem sendo destaque na comunidade médica nacional desde sua criação, devido aos avanços alcançados no diagnóstico de doenças durante a gravidez. Como prova da importância do trabalho realizado, dois estudos feitos por médicos do projeto foram selecionados para participar do XVIII Congresso Mundial de Ginecologia e Obstetrícia que acontecerá em Kuala Lumpur (Malásia), de 5 a 10 de novembro.

O congresso acontece a cada quatro anos - o último teve o Chile como anfitrião - e apenas dois trabalhos são selecionados por país. Este ano estudos sul-mato-grossenses representarão o Brasil. Os trabalhos foram inscritos pelo professor doutor do Departamento de Ginecologia e Obstetrícia do Centro de Ciências Biológicas e da Saúde da Universidade Federal do Mato Grosso do Sul (UFMS), Ernesto Antônio Figueiró Filho, que faz parte do programa de Proteção à Gestante, e vem buscando apoio para realizar a viagem à Malásia que, segundo ele, custa R$ 10 mil.

De acordo com Ernesto, a seleção para participar do Congresso é fato raro e de extrema importância para o Estado. “A participação de um brasileiro no Congresso é fato raro de acontecer, e coloca o Estado em destaque. Já tiveram outros, mas não sei informar se algum foi premiado. Inscrevi dois trabalhos. Ambos foram selecionados." Os estudos inscritos tratam do diagnóstico da toxoplasmose e de infecções como hepatite B e C.

O primeiro selecionado aborda a identificação da toxoplasmose durante a gravidez. Foram submetidas à triagem 32.512 gestantes no período de novembro de 2002 a outubro de 2003. Desse estudo, concluiu-se que a freqüência da toxoplasmose aguda materna apresentou-se abaixo do observado em outras investigações no Brasil. Entretanto a taxa de transmissão vertical (da mãe para o feto) não foi discordante do encontrado em outros estudos. Pôde-se identificar também que o diagnóstico da doença nas primeiras 12 semanas da gravidez pode evitar consideravelmente a transmissão para o feto.

O outro trabalho que será apresentado no Congresso trata de várias infecções que podem ser identificadas no pré-natal, como sífilis, rubéola, hepatites B e C, toxoplasmose, doença de Chagas, vírus simples do Herpes, HIV tipo 1, citomegalovírus (CMV) e HTLV I/II (vírus linfotrópico humano para células T). O estudo foi realizado com o mesmo número de gestante e no mesmo período.

As pesquisas foram realizadas com o apoio do governo do Estado, da Apae (Associação dos Pais e Amigos dos Excepcionais), da UFMS e da USP (Universidade de São Paulo) de Ribeirão Preto. A metologia aplicada foi a técnica do papel de filtro, método que tornou Mato Grosso do Sul referência em diagnóstico de Aids no País.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 18 de Dezembro de 2017
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)