Cassilândia, Terça-feira, 23 de Maio de 2017

Últimas Notícias

16/02/2004 16:55

Programa confirma qualidade do rebanho do Estado

Cristiane Sandim - Seprotur

Busca pela qualidade. Essa é uma das principais metas do Programa Novilho Precoce, desenvolvido há 12 anos pela Secretaria de Produção e Turismo do Estado (Seprotur), em parceria com a Secretaria de Receita e Controle (Serc) e a Delegacia Federal da Agricultura (DFA). Com a iniciativa todos saem ganhando. O produtor antecipa o lucro e alivia as pastagens, os frigoríficos cadastrados trabalham com produtos de qualidade e os consumidores passam a adquirir carne com garantia de procedência.

Os últimos dados do Programa no Estado mostram que o ano de 2003 alcançou 215 mil animais abatidos como precoce em Mato Grosso do Sul superando em 12% o número de animais abatidos como precoce em 2002. O governo do Estado também devolveu aos produtores um incentivo financeiro de R$ 2,4 milhões. Só no ano passado 243 produtores se cadastraram no programa totalizando dois mil pecuaristas inscritos. “O resultado deve-se a excelente atuação da Câmara Setorial da Bovino e Bubalinocultura”, justifica o secretário executivo do Programa Novilho Precoce, Cláudio Sá Earp. A meta do governo, explica o secretário executivo do Programa, é de atingir 15% do rebanho sul-mato-grossense abatido como precoce até 2006. Atualmente 11 frigoríficos estão cadastrados no Programa sendo que seis deles apresentam habilitação para a exportação, onde Mato Grosso do Sul contribui com 50% da carne exportada em nível nacional.

Com um rebanho atual de 24,9 milhões de cabeças, de acordo com informações da Iagro, o secretário de Produção e Turismo, José Antônio Felício, acredita que, embora haja uma grande concorrência com Mato Grosso, em relação ao número de cabeças, a qualidade da carne oferecida pelos produtores de Mato Grosso do Sul não deve ser superada.


Lucro confirmado

A engenheira agrônoma e pecuarista, Tereza Cristina Corrêa da Costa Dias, faz parte dos produtores que acreditam e investem na carne de qualidade como um processo vantajoso. Há mais de um ano Tereza trabalha com a produção de novilho precoce e diz estar tão satisfeita com os resultados e que até faz planos de expansão. “O produtor precisa aprender a fazer contas para ver os resultados. Quando se está aberto a novas propostas é importante a analisar os ganhos e se for positivo é só investir e esperar os resultados”, conclui.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 23 de Maio de 2017
Segunda, 22 de Maio de 2017
21:25
Loteria
10:00
Receita do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)