Cassilândia, Segunda-feira, 21 de Maio de 2018

Últimas Notícias

05/04/2004 16:58

Profissionais pedem regulamentação da Línguas de Sinais

Clodoaldo Silva

Os intérpretes da Língua de Sinais (Libras) que atuam em escolas públicas querem que o Governo do Estado regulamente a profissão. São 44 profissionais que atendem em Mato Grosso do Sul. Atualmente eles obedecem a legislação federal e municipal que garante o exercício da profissão, mas não exige a formação universitária para o intérprete.

A lei 2.997 de 1993 reconhece a Língua de Sinais Brasileira como recurso de comunicação. Já a lei federal 10.436, de 2002, determina que o poder público e os sistemas educacionais assegurem o ensino de intérprete nos cursos de fonoaudiologia e magistério, tanto no ensino médio quanto superior.


Para Cristiane Albres Ravaglo, intérprete da Libras, a regulamentação da formação é importante porque a sociedade terá um profissional capacitado para fazer esse serviço. "Esse profissional recebe estudos para saber quem é surdo e aprende a lidar com esse aluno e também com profissionais dentro da escola, já que vai estar interpretando todas as matérias”, explicou.

A intérprete ressaltou que o profissional com capacitação possibilita que o estudante surdo chegue ao ensino superior. “Hoje nós temos cinco surdos inseridos nas universidades particulares. Prestaram vestibular, passaram no processo de seleção normal e hoje estão estudando com o apoio deste profissional intérprete”, disse, completando que hoje existem intérpretes na escola pública.

A regulamentação da Libras esbarra, segundo Ravaglo, na inexistência de um curso de capacitação do intérprete federal ou estadual. Para ela, falta uma universidade para que a atividade seja regulamentada. “O que a gente tem hoje é um curso técnico, que o Ceada oferece. Faltaria um curso superior para dar suporte maior”, enfatiza a intérprete.


Contribuição da Assembléia

O deputado Maurício Picarelli, do PTB, teve a lei de sua autoria (nº 1693, de setembro de 1996) aprovada pela Assembléia Legislativa. O texto reconhece a língua gestual, a Libras, como meio de comunicação objetiva e de uso corrente. “Quando nós elaboramos essa autorização foi para que os deficientes auditivos pudessem receber informações através da Língua de Sinais nas emissoras de comunicação. É uma prática nacional e Mato Grosso do Sul não poderia ficar de fora”, destacou Picarelli. Para o parlamentar, essa é a forma de democratizar as oportunidades. “Isso é importante. Temos de facilitar a vida de quem tem essa deficiência”.

Em 2001, o deputado estadual Jerson Domingos, do PTB, apresentou projeto de lei que torna obrigatório o uso de recursos audiovisuais destinados aos deficientes auditivos. A proposta foi aprovada pela Casa e sancionada pelo Governador em 2002. No mesmo ano, foi aprovada a lei que institui o Programa de Diagnóstico Precoce de Deficiência Auditiva em Neonatos, de autoria de Cezar Galhardo e Antônio Braga. Em 2001, o Governador José Orcírio sancionou a lei 2.294, do deputado Pedro Teruel, que institui o Dia do Surdo em 26 de setembro.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 21 de Maio de 2018
Domingo, 20 de Maio de 2018
15:18
Cassilândia/Itajá
Sábado, 19 de Maio de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)