Cassilândia, Quinta-feira, 22 de Junho de 2017

Últimas Notícias

22/10/2005 08:31

Profissionais de enfermagem terão reajuste de 10%

Marina Miranda/Campo Grande News

O TRT/MS (Tribunal Regional do Trabalho de Mato Grosso do Sul) acatou em parte o pedido de dissídio coletivo do SIEMS (Sindicato dos Trabalhadores na Área de Enfermagem do Estado de Mato Grosso do Sul) e concedeu reajuste de 10% para os profissionais da enfermagem em sessão do Pleno realizada anteontem. O dissídio foi ajuizado após tentativas frustradas de negociação junto ao SINDHESUL (Sindicato dos Hospitais e Estabelecimentos de Serviços de Saúde do Estado).
O SIEMS pleiteava reajuste de 15%, a partir de maio de 2005, data base da categoria, enquanto o SINDHESUL oferecia 100% da variação do INPC do IBGE, apurado nos últimos doze meses, a ser aplicado sobre o último salário base (1º de maio de 2004 a 30 de abril de 2005), equivalente a 6,08%.
O relator do dissídio, Juiz João de Deus Gomes de Souza, explicou que é vedado por lei, reajuste salarial vinculado a qualquer índice econômico ou de reposição da inflação do período. Por outro lado, destacou que o TST (Tribunal Superior do Trabalho), já manifestou o entendimento de que melhoria salarial obtém-se mediante negociação e, judicialmente, só se concede com a certeza de que o empregador teria capacidade de suportá-lo. Com base em documento assinado pelo sindicato patronal que concordava com o índice, Souza decidiu acatar o pedido. “Se a proposta foi formalizada e a classe patronal se comprometeu a cumprir, é porque, com certeza, tem capacidade de suportar reajuste salarial nesse valor”.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 22 de Junho de 2017
10:00
Receita do Dia
Quarta, 21 de Junho de 2017
09:40
O questionamento é da defesa do Governador de MS
Terça, 20 de Junho de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)