Cassilândia, Quarta-feira, 29 de Março de 2017

Últimas Notícias

04/11/2005 15:14

Professores universitários devem continuar em greve

Humberto Marques / Campo Grande News

Os professores universitários não chegaram a um acordo com o governo federal para encerrar a greve da categoria, que dura dois meses e prejudica o funcionamento de instituições de ensino superior no País. Durante a reunião promovida hoje, a presidente do Andes (Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior), Marina Barbosa, informou que não houve avanços em relação à proposta anterior da União. “O que o governo fez foi nos entregar formalmente um documento, em que ele reproduz e ratifica exatamente a mesma proposta entregue nas duas últimas rodadas de negociação que já foram rejeitadas por unanimidade pela categoria”, destacou.

Os professores pedem a paridade dos salários de trabalhadores da ativa e aposentados, isonomia nas gratificações e reajuste de 18% nos vencimentos básicos. O secretário-executivo do MEC (Ministério da Educação), Ronaldo Teixeira, disse que o governo acrescentou na proposta a criação de um grupo de trabalho, para definir o novo plano de carreira para os professores. “Houve uma novidade significativa, que é a formação de um grupo de trabalho para a reestruturação da carreira conjunto, para discutir uma carreira comum entre professores de primeiro, segundo e terceiro graus”. Segundo a Folha Online, a paralisação atinge até 70% dos professores em 40 universidades federais do Brasil. Em Mato Grosso do Sul, a greve não atinge os professores - a instituição enfrenta a paralisação de determinados setores administrativos, como no Hospital Universitário.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 29 de Março de 2017
Terça, 28 de Março de 2017
21:41
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)