Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

12/03/2008 18:10

Professores param dia 14 por implantação de piso

Sandra Luz/Campo Grande News

Os professores da rede estadual de ensino vão parar na sexta-feira, dia 14, para cobrar a implantação do piso salarial de R$ 950 a uma carga horária de 40 horas semanais aos profissionais de Nível Médio. Hoje, segundo a Fetems (Federação dos Trabalhadores na Educação em Mato Grosso do Sul), 74% dos 78 municípios sul-mato-grossenses têm vencimento-base abaixo dos R$ 950. Em 38%, o salário e gratificação não atingem o valor proposto.

O município que hoje paga a maior remuneração (considerando apenas o salário-base) é Paranhos, distante 470 quilômetros de Campo Grande. A remuneração dos professores é de R$ 1.228 e não tem a regência de classe. O maior valor, considerando a regência, é Tacuru, a 422 quilômetros da Capital, onde o salário chega a 1.297,88. Deste total, 15% corresponde à regência de classe.

Em Campo Grande, o salário-base dos professores é de R$ 996,34, com 20% de regência, o valor passa a R$ 1.195,60. Já na rede estadual de ensino, o salário é de R$ 603,42. Com 100% de regência, o vencimento dos docentes chega a 1.206,84. O menor salário pago no Estado está em Jaraguari. São pagos R$ 480 de salário-base e, com 20% de regência, o vencimento chega a R$ 576.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)