Cassilândia, Quarta-feira, 23 de Setembro de 2020

Últimas Notícias

21/11/2003 13:33

Professor critica discriminação em livros didáticos

Agência Câmara

O professor de História da África da UPIS/DF, Anderson Ribeiro Oliva, encerrou há pouco sua exposição sobre as imprecisões da história do continente africano e dos afrodescendentes nos livros didáticos. Ele fez um relato sobre a vida da rainha africana Nzinga Mbandi, que viveu no século XVII na região onde hoje fica Angola, e do líder Zumbi dos Palmares, para ilustrar a falta de representação da África nos livros escolares. "A escola muitas vezes acaba por reproduzir as discriminações que combatemos nos discursos. Alguns livros didáticos contribuem para isso".
O professor mostrou livros didáticos com figuras em que negros aparecem em situações subalternas ou subhumanas, "como se não tivessem tido uma cultura própria anterior a vinda ao Brasil, como se não tivessem resistido à escravidão e à violência que sofreram, como se fossem seres passivos, semi-animais".
O especialista criticou também a maneira como a história da África é contada, aparecendo como lugar de passagem, por navegadores, em uma visão simplista, "quando na verdade a história da África é tão rica e complexa como a de qualquer outro continente". Ele abordou ainda os estereótipos sobre a África, da miséria, da fome, das doenças, das guerras tribais, "que ainda hoje são reforçados pelos meios de comunicação".
Oliva acredita que esse estereótipo pode ter sido gerado porque o trabalho braçal era sinônimo de inferioridade social pela nobreza. Ele enfatiza que esse tipo de estigma marcou os afrodescendentes como supostos seres inferiores por fazerem trabalho braçal.

O evento, que fez parte da II Jornada África-Brasil, está sendo realizado no auditório do Espaço Cultural Zumbi dos Palmares da Câmara Federal.



Reportagem - Christian Morais
Edição - Regina Céli Assumpção


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 23 de Setembro de 2020
Terça, 22 de Setembro de 2020
Segunda, 21 de Setembro de 2020
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)