Cassilândia, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

16/05/2006 16:16

Produtores Sinpetro pedem a redução do ICMS do diesel


Donos de postos de combustíveis estão participando da manifestação pública dos produtores rurais em Campo Grande. Com faixas e cartazes pedindo igualdade de condições com os Estados vizinhos que recolhem 12% de ICMS sobre o óleo diesel, contra 17% recolhidos em Mato Grosso do Sul. Dezenas de empresários, inclusive do interior, participam da passeata pelas ruas da Capital.

Com apoio do Sinpetro/MS (Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis Automotivos, Lubrificantes e Lojas de Conveniência do Estado de Mato Grosso do Sul), os donos de postos estão empunhando faixas e cartazes pedindo a redução da alíquota para 12%.

“Mato Grosso do Sul exige igualdade de condições com os Estados vizinhos”, “Óleo diesel – O SINPETRO/MS reivindica redução da alíquota de 17% para 12%”, “O Sinpetro/MS é solidário ao movimento dos produtores rurais. Redução da alíquota do ICMS sobre o diesel JÁ, um dos insumos mais caros da cadeia produtiva”, essas são algumas frases estampadas nas faixas produzidas pelo sindicato.

O presidente em exercício da entidade, José Tarso Moro da Rosa informou que mais de 60 postos, principalmente de rodovia, já fecharam definitivamente suas portas na região de divisa com os Estados vizinhos, que recolhem 12% de ICMS do diesel, contra 17% em Mato Grosso do Sul.

Ele explicou que o apoio aos produtores rurais se deve ao fato de que esse problema da alíquota é de ambos. Ou seja, os produtores acabam tendo um custo de produção muito elevado por conta do óleo diesel mais caro no Estado.

O diretor da entidade, Gelson Pavoni disse que a redução da alíquota é uma questão de bom senso. O governo, segundo ele, deveria atentar para as reivindicações da classe empresarial que busca apenas melhores condições de gerar emprego e renda no Estado.

Gelson Pavoni informou também que enquanto em Mato Grosso do Sul o preço do diesel ao consumidor gira em torno de R$ 2,036, nos Estados vizinhos os valores são os seguintes: PR, R$ 1,839: GO, R$ 1,830; SP, R$ 1,863 e MG, R$ 1,827. “Como concorrer com esses preços? Porisso os caminhões que entram ou saem de nosso Estado, fazem apenas um passeio pelas nossas rodovias e acabam abastecendo em nossos vizinhos”.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)