Cassilândia, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

17/02/2006 17:15

Produtores se unem e melhoram preço do leite

Humberto Marques e Fernanda Mathias/Campo Grande News

Formado por 28 produtores de Mato Grosso do Sul, o GPL (Grupo de Produtores de Leite) tem conseguido superar os problemas relativos ao baixo preço pago pelo litro de leite no Estado. Implantado inicialmente com seis pecuaristas, hoje o grupo chega a receber R$ 0,37 pelo litro do produto, contra a média de R$ 0,14 a R$ 0,28 pagas aos demais produtores – o que representa um preço até 32% superior ao praticado no mercado.

Até o fim deste mês, o GPL deve renovar seu contrato de fornecimento com o Saga, que embala a marca São Gabriel, em um acordo que estabeleceu um preço mínimo para o leite neste ano. “Precisamos ter um preço mínimo para nos programarmos e fazermos o planejamento de custos e investimentos ao longo do ano”, explicou a vice-presidente do grupo, Janete Taveira. Enquanto essa garantia é comemorada pelo GPL, o laticínio tem como vantagem o fornecimento regular do produto e a qualidade – uma vez que os integrantes do GPL seguem rigorosamente o protocolo de qualidade estabelecido.

Existente desde 2002, o GPL busca agora novos integrantes. Durante a Expogrande 2006 (que ocorre entre os dias 30 de março e 9 de abril), o grupo participará do Dia do Leite – quando realizará, também, o segundo leilão. Na primeira edição, a média de preço atingido por fêmea de diversas raças leiteiras chegou a R$ 1,9 mil.

Ao lado da Câmara Setorial do Leite, o GPL busca parcerias para o Dia do Leite (marcado para o dia 9 de abril, sendo que, a partir do dia 4 daquele mês, serão apresentadas ordenhadeiras no pavilhão). Interessados em aderir ao grupo podem obter mais informações através do telefone (67) 3027-5668.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
13:15
Cassilândia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)