Cassilândia, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

22/02/2005 15:27

Produtores decidem pelo boicote

Acrissul

Diante do descontentamento geral dos pecuaristas com os preços praticados pelos frigoríficos, o setor decidiu adotar o boicote como mecanismo de pressão. Durante reunião realizada na sexta-feira em Goiânia, na sede da Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg), os pecuaristas decidiram reduzir ao máximo a venda de bovinos aos frigoríficos nos próximos 30 dias. Mais de dois mil produtores participaram do encontro, entre eles representantes de Mato Grosso.

"Na visão do produtor essa é uma medida essencial para a sobrevivência no mercado. O ideal é que o boicote fosse de 100%, mas como todos têm que pagar seus compromissos, esperamos que cada pecuarista se esforce ao máximo para colaborar com nossa causa", afirma o presidente do Fórum Nacional de Pecuária de Corte da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), Antenor Nogueira. Ele ressalta que somente dessa maneira os frigoríficos se prontificarão a negociar.

Outra sugestão deliberada trata da criação de uma cooperativa dos produtores para gerenciar unidades de abate, com recursos alocados via o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). A formação de centros de comercializações nos Estados produtores figura como uma terceira estratégia de mobilização do setor.

De acordo com o diretor financeiro da Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato), Eduardo Ferreira Neto, presente na reunião organizada pelo fórum da CNA, a entidade já estuda a viabilidade da criação do centro no Estado. O resultado do levantamento será apresentado ao setor no dia 22 de março, quando uma nova reunião entre os integrantes do fórum acontecerá, desta vez em Cuiabá.

Fonte: Gazeta Digital

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
13:15
Cassilândia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)